gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Crónica intermédia de Fim-de-semana – 05 – 2017 / 2018 - IV

Crónica dedicada aos jogos da PO04, que se disputaram durante a interrupção do campeonato, por motivos de participação no Scandibérico. Continua e por outro lado aumentaram as nossas preocupações pois não existe qualquer critério definido e divulgado para as nomeações.

São directamente aprovados para a Fase Final as 3 primeiras classificadas em cada zona da 1.ª Fase

PO04 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Juniores Masculinos.

Zona 1
8.ª Jornada - resultados
Dia 22-10-17
Xico Andebol 27 - 29 AA Avanca (Antecipado)

Nesta Zona, disputou-se um encontro e por antecipação relativo à 8 jornada da prova, pois a jornada que se vai disputar é a 5.º. Encontro disputa do no Pavilhão F. Holanda e onde surpreendentemente a AA Avanca foi vencer o Xico Andebol, que desta forma sofreu a sua primeira derrota na prova. O encontro foi disputado com a AA Avanca a comandar o marcador a partir de uma igualdade a 4 golos, chegando ao intervalo a vencer por 16-11, margem que lhe deu algum conforto, para o segundo tempo, onde chegou a aumentar o diferencial como por exemplo quando vencia por 24-18, sofrendo na altura um parcial de 4-0, permitindo que o Xico Andebol, reduzisse para somente um diferencial de 3 golos 24-21, e foi com grande equilíbrio que o jogo foi disputado até ao final, com a equipa visitada, a conseguir reduzir a diferença final para somente dois golos. Jogo com ocorrências disciplinares registadas. Manuel Lima, mais uma vez com 14 golos, foi o melhor marcador do Xico Andebol, na AA Avanca mais uma vez Daniel Vieira com 9 golos, foi o seu melhor marcador seguido por Pedro Pires com 7 e Lourenço Santos com 6 golos.

Classificação da Zona após este encontro – 1.º Xico Andebol (+ 1 jogo, 13 pontos), 2.º FC Porto (12 pontos), 3.º ABC (10 pontos), 4.º AA Avanca (+ 1 jogo, 9 pontos), 5.º Águas Santas, FC Gaia, e Ismai (8 pontos), 8.º CP Natação, e CD Feirense (6 pontos), 10.º Académico FC (4 pontos).

Zona 2
1.ª Jornada
Dia 29-10-17
Belenenses 23 – 22 AC Sismaria
Estarreja AC 27 – 28 Alto Moinho
3.ª Jornada
Dia 28-10-17
Benfica 28 – 27 São Bernardo
7.ª Jornada
Dia 29-10-17
Vitória FC 18 - 26 Sporting (Antecipado)

Nesta Zona tivemos a disputa de três encontros que se encontravam em atraso, e relativos à 1.ª e 3.ª Jornada da prova, e ainda um jogo, disputado por antecipação relativo à 7-ª Jornada. Registe-se a curiosidade de três dos encontros terem terminado com resultados, onde a vitória foi pela diferença mínima, e apenas o encontro antecipado teve um resultado mais dilatado. O encontro onde se registou (na nossa opinião), a maior surpresa foi o Benfica / São Bernardo (encontro com ocorrências disciplinares registadas), pois a equipa do São Bernardo deu uma réplica não esperada, e chegou ao intervalo na frente do marcador por 13-12. No segundo tempo registaram algumas alterações no marcador, e perto do fim do tempo regulamentar o resultado era uma igualdade a 27 golos, com o Benfica a marcar o golo da vitória nos últimos momentos do encontro. Os melhores marcadores do Benfica foram Tiago Figueiredo com 6 golos e João Marques com 5 golos, por sua vez no São Bernardo Nuno Ferreira com 11 golos, voltou a ser o seu melhor marcador, acompanhado por Rafael Oliveira com 5 golos. Esta foi a primeira derrota do São Bernardo na prova até ao momento.Com o Benfica a continuar a contabilizar apenas vitórias na Zona. Num dos jogos em atraso desde a 1-ª Jornada, o Belenenses recebeu o AC Sismaria, e foi mais um resultado que terminou com a vitória da equipa visitada pela diferença mínima. Mas onde a equipa do Belenenses, sentiu grandes dificuldades para vencer pois o equilíbrio foi uma constante, no entanto a equipa do AC Sismaria foi para o intervalo a vencer por 13-11. O Belenenses no segundo tempo recupera, e consegue assegurar a vitória. Ricardo Leitão voltou ser o melhor marcador do Belenenses com 6 golos, acompanhado por Francisco Sousa com 5 golos. O AC Sismaria que se apresentou com apenas 11 jogadores, teve novamente em Gonçalo Jesus um dos seus melhores marcadores, juntamente com Manuel Vieira, ambos com 5 golos. Com esta derrota a equipa de Gândara continua sem vencer qualquer encontro até ao momento. No outro encontro relativo ainda à 1.ª Jornada, o Alto Moinho foi vencer a Estarreja a equipa local, em mais um jogo que terminou com o resultado equilibrado, mas onde a supremacia da equipa do Alto Moinho foi uma constante na maior parte do tempo de jogo, pois ao intervalo já vencia por uma margem confortável de 20-13. No segundo tempo apesar da boa reação da equipa visitada, não chegou para levar a equipa à vitória. Na equipa do Estarreja AC, mais uma vez Diogo Vaia com 12 golos, foi o seu melhor marcador. No Alto Moinho, Diogo Abadia com 8 golos, voltou aos seus bons dias, juntamente com Francisco Cruz com 5 golos. O Encontro Vitória FC / Sporting, que foi antecipado da 7.ª Jornada, acaba por ser o encontro que terminou com o resultado mais dilatado, e que foi na prática quase sempre comandado pela equipa do Sporting, que ao intervalo vencia, já vencia por 16-10, No segundo tempo limitou a gerir o plantel e o resultado, e terminar com uma diferença final de 8 golos. Com este resultado a equipa do Vitória FC, sofreu a sua primeira derrota na prova até ao momento. Rodrigo Alcácer com 9 golos foi o melhor marcador do Vitória FC, acompanhado por Artur Pereira com 5 golos. Na equipa do Sporting onde 13 jogadores marcaram golos, Iúri Anastácio com 5 golos foi o principal marcador da equipa.

Classificação da Zona após estes encontros – 1.º Sporting (+ 1 jogo, 13 pontos), 2.º Benfica (12 pontos), 3.º Alto Moinho (11 pontos), 4.º São Bernardo (10 pontos), 5.º Belenenses (8 pontos), 6.º Juventude Lis, Vitória FC (+ 1 jogo) (7 pontos), 8.º AC Sismaria, e Estarreja AC (6 pontos), 10.º Almada AC (4 pontos). 

O Noticias

Última Hora - Nuno Grilo de Regresso

NUNO GRILO
NO
BENFICA

Segundos noticias que circulam pela internet, e já publicada em OCS, temos um dos bons atletas da modalidade que tinha imigrado para França onde foi representar o US Creteik Handball, clube que disputava a principal Liga de Andebol em França (desceu de divisão esta época), está de regresso a Portugal para representar o Benfica, clube que já representou, o atleta de 30, o último clube que tinha representado em Portugal, foi o ABC.

O Noticias

Europeus de Masters - 2018

O CAMPEONATO DA EUROPA DE MASTERS 2018
EM
MASCULINOS E FEMININOS
INNSBRUCK (Áustria)

A EHF, informou em 27-20-17 no seu portal de que a organização do Europeu de Masters (15.ª Edicção) será na cidade de Innsbruck (Áustria), marcando um regresso a este País que organizou o evento inaugural em 2003.

Será realizado de 7 a 10 de Junho de 2018.

Em masculinos, serão três (3) as categorias (+35,+45 e +50), em femininos serão duas (2) as categorias (+33 e +43).

Em Janeiro segundo informa a EHF, teremos informações mais detalhadas, e provavelmente na altura, já se saberá quais as categorias em que Portugal participará, quem participará, e como será o formato competitivo, pois cabe agora aos organizadores, abrirem o processo e inscrição e fornecerem a devida informação a tempo e horas. 

O Noticias

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Crónica de Fim-de-semana, No Feminino – 07 – 2017 / 2018

Mais uma crónica de fim-de-semana exclusivamente dedicada ao Feminino (PO09).

Depois das nossas referencias ás poucas transmissões da Andebol TV desta prova, tivemos finalmente nesta semana, mais uma transmissão (SIR 1.º Maio/CJB / Assomada), mas esperamos mais.

Voltamos ao assunto das estatísticas, pois as mesmas existem ás vezes em http://po09.videobserver.com/pt/ , continuando-se a estranhar o silencio da Federação sobre o assunto. Mas mais uma vez, podemos informar de que estivemos a monitorar as mesmas durante os jogos e não são feitas em tempo real, muitas só surgem passando alguns dias, diga-se que algumas nem chegam a existir, mas mesmo assim só temos de agradecer a quem as faz, é a nossa obrigação.

PO09 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Femininos.

1.ª Fase – 1.ª Jornada - Resultados
1.ª Jornada
Dia 05-11-17
SIR 1.º Maio/CJB - Juventude Lis (15H00)
2.ª Jornada
Dia 12-11-17

CA Leça - Santa Joana (17H00)
6.ª Jornada
Dia 28-10-17
SIR 1.º Maio/CJB 27 - 27 Assomada
Juventude Lis 26 - 23 JAC-Alcanena
Maiastars 20 - 17 Académico FC
Dia 05-11-17
CS Madeira - Santa Joana (15H00)
Madeira SAD - Colégio Gaia (13H00)
Dia 08-12-17
CA Leça - Alavarium (17H00)

Tal como tínhamos previsto, continuam as jornadas duplas, quando intervêm as equipas madeirenses, devidas às deslocações às ilhas e vice-versa. Este fim-de-semana, apenas se disputaram 3 encontros desta prova, que é tudo menos regular, face aos condicionalismos existentes, e com alguns jogos adiados, que só os intervenientes podem esclarecer. Nos jogos disputados, tivemos (na nossa opinião) a grande surpresa a no jogo disputado na Marinha Grande (SIR 1.º Maio/CJB / Assomada). De destacar pela positiva, que em nenhum dos jogos disputados se registaram ocorrências disciplinares.

SIR 1.º Maio/CJB 27 – 27 Assomada

No Pavilhão da Marinha Grande o SIR 1.º Maio/CJB, uma das equipas que se reforçou e bem para esta época, sentiu grandes dificuldades, perante uma equipa a Assomada, que foi uma equipa que subiu de Divisão, e que se apresentou neste encontro, com um andebol fluido, a saber o que pretende e para onde caminha, no entanto temos de referir uma nota negativa, neste encontro que foi a falta de um fisioterapeuta em qualquer das equipas, em especial aos quando Luísa Jaguite (Assomada) se lesionou, valendo na ocasião Adriana Lage que se disponibilizou e tratou da adversária, num excelente momento de ética desportiva. Foi um encontro de grande equilíbrio, com diversas situações de igualdade, mas com a equipa da Assomada a surpreender pela positiva, com uma excelente defesa, e com um ataque planeado a produzir positivamente. De tal forma que ainda nos primeiros 30 minutos, chegou a ter dois golos de vantagem, quando estavam decorridos cerca de 23 minutos e vencia por 9-7, para se chegar ao intervalo com uma igualdade a 12 golos. De salientar neste período e no restante tempo a produção de Miriam Almeida (7 golos), uma ex Assomada, e que foi o verdadeiro abono da equipa local, que tinha na sua guarda-redes Diana Roque um dos grandes trunfos, enquanto do outro lado Soraia Almeida, teve na baliza do Assomada uma exibição, como se costuma dizer de “encher o olho”, e que foi um dos grandes obstáculos para o ataque do SIR 1.º Maio/CJB. No segundo tempo a equipa da Assomada assume o comando do marcador, após uma igualdade a 14 golos cerca dos 35 minutos, para chegar aos 56 minutos com uma vantagem de 3 golos (27-24), para nos minutos finais, primeiro fruto da inexperiência da equipa, depois, uma intervenção decisiva, de Diana Roque aos cerca dos 28 minutos, e depois uma falta não marcada sobre Paula Malcato (6 golos) que realizou um bom jogo, juntamente com Nádia Fernandes (6 golos) no Assomada, a 45 segundos do fim ditaram o resultado final. DE destacar ainda a excelente exibição da jovem Carolina Gomes no SIR 1.º Maio/CJB com 7 golos, alguns de excelente recorte técnico, e que foi uma “seta” constantemente apontada á baliza do Assomada, fosse em ataque planeado ou em contra-ataque. Jogo dirigido por uma dupla mista de Leiria e Coimbra, constituída por Francisco Remígio e Miguel Mendes, que na nossa opinião além da falta já referida, e da lei da vantagem onde falharam por diversas vezes, estiveram bem em especial na sanção progressiva e nos 7 metros. Uma nota final, para os comentadores do encontro que em alguns momentos se esqueceram que estavam a comentar um encontro de andebol, e deviam primar pela isenção, e a troca de nomes das atletas também se verificou, assim como o uso de termos “abrasileirados”, pensamos que deveriam ser incluídos, naqueles que deu origem a um excelente texto num blog dedicado ao Feminino, sobre os comentadores da Andebol TV.

Em Leiria, realizou-se o Juventude Lis / JAC-Alcanena, que foi mais um encontro onde o equilíbrio foi uma nota dominante, embora equipa visitada comandasse o marcador, a maioria do tempo de jogo, terminando como vencedora, obtendo a sua segunda vitória na prova, como resultado a ser construído nos primeiros 30 minutos, que terminaram a vencer por 16-13, precisamente a mesma diferença que se registava no final do encontro, o que demonstra a boa reacção da equipa visitante no segundo tempo. Francisca Marques com 12 golos, foi mais uma vez o verdadeiro abono de família da equipa da Juventude Lis. No JAC-Alcanena, mais uma vez Aurora Prata, e Raquel Anacleto, ambas com 5 golos cada, foram as melhores marcadoras da equipa.

No municipal da Maia, disputou-se o Maiastars / Académico FC, encontro que se esperava terminasse mais desnivelado, face ao valor actual das duas equipas, e em especial aos reforços da equipa maiata, que ao intervalo vencia por 12-6, depois da equipa visitada, ter chegado aos 7 golos de vantagem como por exemplo aos 9-2 e aos 12-5. Mas a equipa do Lima, com uma boa reacção no segundo tempo, reduz para 12-8, e chagam mesmo a reduzir para apenas 2 golos de diferença (17-15), obrigando a equipa maiata a reagir ao “adormecimento” e a colocar o marcador em 20-15, mas mesmo assim as academistas, ainda reduziram para o resultado final de 20-17, num jogo de poucos ataques e onde as defesas estiveram em evidência. Debora Moreno com 6 golos, e Maria Cerqueira com 5 golos, foram as melhores marcadoras do Maiastars, Cristiana Alves com 11 golos, foi a melhor marcadora do Académico FC, que segundo os dados indicados pela Portal da Federação é a melhor marcadora Nacional, neste momento.

Classificação após estes encontros: - 1.º Colégio Gaia (-1 jogo), e Madeira SAD (-1 jogo) (15 pontos), 3.º Maiastars, e JAC-Alcanena (12 pontos), 5.º Assomada, CS Madeira (-1 jogo), e Alavarium (-1 jogo) (11 pontos), 8.º SIR 1.º Maio (-1 jogo, 10 pontos), 9.ºJuventude Lis (- 1 jogo, 9 pontos), 10.º Académico FC (8 pontos), 11.º CA Leça (-2 jogos, 6 pontos), 12.º Santa Joana (- 2 jogo, 4 pontos).

Voltamos a referir que para os nossos principais OCS, que pouco ou nada disseram sobre esta prova (existem excepções), é um desprezo total, basta ver a revista de imprensa hoje no site da Federação. Lamentável.

O Noticias

Nomeações – EHF – 2017 / 2018 – X

Divulgou a EHF novas nomeações para as provas Europeias, tendo-se registado a seguinte nomeação de elementos portugueses.

Árbitros
Duarte Santos / Ricardo Vieira – Foram nomeados para dirigir o encontro da 6.ª Jornada do Grupo A da Liga dos Campeões Masculina, que se disputa entre o IFK Kiristianstad (Suécia) e o HC Vardar (Macedónia), na Suécia no dis 04-11-17.

Delegados
Manuel da Conceição – Foi nomeado para o encontro da 2.ª Mão da 3.ª Ronda de Qualificação da Challenge CUP Feminina, que se disputa entre o DHB Rotweiss Thun SPL 1 (Suíça) e o Ardesen GSK (Turquia), na Suíça no dia 18-11-17.

Aos nomeados, desejamos as maiores felicidades no desempenho das suas funções. 

O Regras

Informação - Clubes - Diversa

AC VERMOIM


A Equipa Sénior Feminina do ACV Andebol Clube disputa no próximo dia 1 de Novembro de 2017 pelas 17H15 no Pavilhão Municipal "Terras de Vermoim", os 1/16 de Final Taça de Portugal frente à formação congénere do ND Santa Joana.

O escalão maior do ACV Andebol Clube continua assim a participação nesta competição nacional depois de ter levado de vencida, no passado dia 15/10, a formação do DAC - Douro Andebol Clube ao mesmo tempo que participa no exigente e extremamente competitivo Campeonato Nacional da modalidade.

O ACV Andebol Clube é um projecto desportivo na modalidade de andebol em grande afirmação que tem na sua equipa sénior, quase totalmente formada no Clube, a sua referência. 
(Fonte ACV)

O Noticias

domingo, 29 de outubro de 2017

Crónica Intermédia de Fim-de-semana – 06 – 2017 / 2018 – II

Crónica intermédia dedicada á PO02, e dedicada aos jogos que apesar da interrupção verificada no normalmente andamento da prova, se realizaram, jogos em atraso, antecipados (até encontros referentes à 2.ª Volta), e alguns da jornada que se segue, prova que como sabemos é constituída por 3 Zonas, onde as equipas “B”, não serão apuradas para a Fase Final.

Apuram-se para a Fase Final do Grupo A, o que dá acesso á 1.ª Divisão os 2 primeiros classificados de cada Zona.

PO02 – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos.

3.ª Jornada
Zona 1
5.ª Jornada - Resultados
Dia 26-10-17
SP Oleiros 26 – 26 CP Natação
6.ª Jornada - Resultados
Dia 28-10-17
GC Santo Tirso 33 – 33 FC Gaia (Antecipado)
16.ª Jornada - Resultados
Dia 28-10-17
Marítimo 27 – 28 Boavista FC (Antecipado)

A 5.ª Jornada ficou completa com a disputa do encontro SP Oleiros / CP Natação, que foi um encontro disputado com grande equilíbrio, conforme se verifica pelo andamento do resultado, que chegou ao fim do primeiro tempo com grande surpresa dos visitados, pois os visitantes comandavam o marcador por 15/14, no segundo tempo boa recuperação da equipa local, e o resultado final foi o reflexo puro do equilíbrio do marcador ao terminar com uma igualdade. Com esta igualdade o CP Natação obteve os seus primeiros pontos positivos na prova, embora continue sem vitórias. Tivemos ainda um encontro antecipado da 6.ª Jornada, jogo entre dois dos principais candidatos à discussão pelos lugares de apuramento para a Fase Final, o GC Santo Tirso / FC Gaia, jogo com uma boa moldura humana, e que foi mais um encontro de total e grande equilíbrio, com alternâncias no marcador, e que ao intervalo registava um resultado favorável à equipa local pela diferença mínima (17-16), depois do FC Gaia comandar por exemplo com 14-13, de uma igualdade a 14 golos, de tudo se verificou neste primeiro tempo. No segundo período não foi muito diferente e o GC Santo Tirso nos momentos finais do encontro vencia por 30-29, e por 31-30, mas permitiu sempre a boa reacção do FC Gaia, terminando o encontro com um igualdade, que manteve as equipas igualdadas em termos pontuais, mas que deixaram de estar na frente da classificação, pois o Boavista FC, em jogo antecipado da 16.ª Jornada, deslocou-se à Madeira para defrontar a equipa do Marítimo, e em mais um encontro de grande equilíbrio, terminou como vencedor por um golo de diferença, após chegar ao intervalo a vencer por 16-14, registando-se sucessivas igualdades neste período como por exemplo a 10, a 11, ou a 13 golos. No segundo tempo a boa resposta da equipa insular permitiu apenas uma diminuição do diferencial, que não chegou para evitar a derrota. Com esta vitória a equipa do Boavista FC, assume o comando isolado da zona, mas com mais um jogo. Em todos os encontros disputados não se verificaram ocorrências disciplinares. Referir ainda que o Boavista FC aproveita esta sua deslocação para na prática fazer uma jornada dupla, pois jogo dia 29-10-17, para a Taça de Portugal com o mesmo adversário.

Classificação da zona, após a realização destes jogos – 1.º Boavista FC (+1 jogo, 16 pontos), 2.º FC Gaia, e GC Santo Tirso (+1 jogo, 15 pontos), 4.º CA Póvoa Varzim, e CCR Fermentões (13 pontos), 6.º SP Oleiros, e Marítimo (+ 1 jogo) (10 pontos), 8.º CP Natação (6 pontos), 9.º FC Porto B, e São Mamede (5 pontos).

Zona 2
7.ª Jornada - Resultados
Dia 28-10-17
AD Albicastrense 31 – 31 AC Sismaria (Antecipado)

Nesta Zona, disputou-se também um jogo por antecipação, o AD Albicastrense / AC Sismaria, num pavilhão bem composto em Castelo Branco, e que foi mais um encontro disputado com equilíbrio, embora o resultado ao intervalo fosse favorável à equipa de Gândara por 14-12, que no segundo tempo chegou a estar na frente do marcador por 22-18, mas a AD Albicastrense, soube aproveitar as diversas superioridades numéricas, e reagindo de uma forma positiva igualar o resultado, que terminou com uma igualdade. Encontro onde não se verificaram a existência de qualquer registo de ocorrências disciplinares. Com esta igualdade, embora à condicção o AD Albicastrense iguala no topo da classificação a Juventude de Lis.

Classificação da zona, após a realização destes jogo – 1.º Juventude Lis (13 pontos), e AD Albicastrense (+ 1 Jogo) (13 pontos), 3.º Estarreja AC, e AC Sismaria (+ 1 jogo) (12 pontos), 5.º ADC Benavente (11 pontos) 6.º Benfica B, e CD Marienses, Benfica B (10 pontos), 8.º AD Sanjoanense, e SIR 1.º Maio (9 pontos), 10.º AC. Coimbra (5 pontos)

Zona 3
1.ª Jornada - Resultados
Dia 28-10-17
SC Horta 29 – 19 1.º Dezembro
4.ª Jornada
Dia 17-12-17
SC Horta - Alto Moinho (17H00)

Nesta Zona realizou-se um dos encontros em atraso do SC Horta, relativo à 1.ª Jornada, e que já mereceu alguns comentários da nossa parte acerca deste adiamento, que não vamos repetir. Neste encontro a equipa do Continente apenas conseguiu dar alguma réplica no primeiro tempo em especial até ao 8-6 a favor do SC Horta, que na nossa opinião se apresenta como um dos grandes favoritos, senão for o principal favorito à discussão de um lugar na Fase Final da prova. Como de costume o pavilhão apresentava-se com uma razoável moldura humana, e a equipa insular depois do equilíbrio já referido no primeiro tempo, com o resultado ao intervalo a situar-se em 16-12 a favor do SC Horta, no segundo tempo foi notória a sua superioridade construindo um diferencial que provavelmente não estaria nas previsões dos mais opimistas. Com esta vitória a equipa do SC Horta, é a única equipa da zona que apenas regista vitórias nos jogos disputados até ao momento. Jogo disputado sem ocorrências disciplinares registadas.

Classificação da zona, após a realização destes jogo – 1.º Vitória FC (14 pontos), 2.º 1.º Dezembro (13 pontos), 3.º SC Horta (- 1 jogo) e Ginásio Sul (12 pontos), 5.º Alto Moinho (- 1 jogo), CDE Camões, e CF Sassoeiros, (9 pontos), 8.º Vela Tavira (7 pontos), 9.º Zona Azul (6 pontos), 10.º CCP Serpa (5 pontos). 

O Banhadas Andebol

Andebol de Praia 2017 / 2018 – Taças Europeias – VI

Terminaram as provas que se estavam a disputar nas Canarias (Espanha), as Champions CUP (ChC), tanto em masculinos como em Femininos, disputando-se um total final de 88 jogos, nos dois géneros.
As provas foram disputadas por 12 equipas em cada género, sendo distribuídas em duas séries.

As equipas Portuguesas, atingiram os objectivos a que se propuseram, superando as melhore espectativas, com os Masculinos a atingirem o pódio com um excepcional 3.º Lugar.

Resultados Finais das equipas Portuguesas.

Masculinos

Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça – 3.º Lugar

Dia 29-10-17
1/2 Final
Club BM Ciudad de Malaga 21 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça
3/4 Lugar
Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça 2 – 0 Oroshazi FKSE Hir-Sat (Hungria)

Classificação Final – 1.º Ekaterinodar Krasnodar (Rússia), 2.º Club BM Playa Ciudad de Malaga, 3.º Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça, 4.º Oroshazi FKSE Hir-Sat (Hungria), 5.º BHT Auto Forum Petra Plock (Polónia), 6.º Team Itália (Itália) 7.º Pinturas Andalucia BM Playa Sevilla (Espanha), 8.º Hiekka Hauskaa (Holanda), 9.º Kavlinge HK (Suécia), 10.º BHV Wasserschloss (Suíça), 11.º Rodby HK (Dinamarca), e 12.º SG Scurwald (Alemanha)

Femininos

Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça – 6.º Lugar

Dia 29-10-17
5/8 Lugar
Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça 2 – 1 BHT GRU JUKO P. Trybunalski (Polónia)
5/6 Lugar
Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça 0 2 SPORT CLUB Senec (Eslováquia)

Classificação Final – 1.º C. BM Playa Algeciras (Espanha), 2.º Westside (Holanda), 3.ºMultichem Szentendrei (Hungria) , 4.º Bruder Ismaning (Alemanha), 5.º SPORT CLUB Senec (Eslováquia), 6.º Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça, 7.º BHT GRU JUKO P. Trybunalski (Polónia), 8.º Detono Zagreb (Croácia), 9.º Nonefoss (Noruega), 10.º Team Schwan (Suíça), 11.º DHG Odense (Dinamarca), e 12.º London Great Dane Handball (Grã Bretanha)

Todos os jogos foram transmitidos em livestream, em:
https://www.youtube.com/user/ehfTV

Como somos teimosos, e mantemos este texto, porque o mesmo está perfeitamente actualizado, “Terminamos esta crónica, perguntando para que serve o Banner existente no sítio da Federação, que em vez de nos levar para uma página do Andebol de Praia, nos leva para o Regulamento do Andebol de Praia, fazendo uma repetição do que já se encontra descriminado no sub menu Estatutos e Regulamentos, sendo portanto na sua forma actual completamente inútil.”

O Noticias

ScandIbérico Masculino Juniores “B” - 2017 - IV

SCANDIBÉRICO MASCULINO JUNIORES “B” – 2017
ESPANHA VENCE TORNEIO
PORTUGAL EM ÙLTIMO LUGAR
(Portugal vence a Espanha)
Terminou o Scandibérico Masculino Juniores B – 2017, que se disputou em Hamar na Noruega, com Portugal a realizar o seu terceiro e último encontro, defrontando a equipa da Espanha

De referir que na programação prevista para esta Selecção apenas existe esta participação, e uma nova participação para outro Scandibérico em Agosto de 2017.

Espanha 20 – 28 Portugal
Portugal, defrontou no seu último encontro do torneio, os nossos vizinhos da Espanha, e depois de já termos sofrido duas derrotas nos jogos anteriores, defrontamos a equipa que surpreendeu os anfitriões do torneio após um jogo de grande equilíbrio. E apesar de a nossa equipa apesar de tecnicamente não ser de valor inferior ás restantes, é fisicamente inferior, não termos de índice corporal, mas na condicção física que os nossos atletas apresentam, e que na nossa opinião se deve em especial à falta de competitividade existente nos nossos escalões de Juniores e de Juvenis. No entanto neste terceiro e último jogo, tal não se notou, pois a Espanha (na nossa opinião), entrou com excesso de confiança, e isso foi-lhes fatal pois a equipa Nacional, transcendeu-se e com os seus principais elementos a renderem de forma muito positiva, apesar de na nossa opinião terem estado demasiado tempo em jogo, poderia ter havido mais rotatividade, e com uma defensiva bastante activa, e que proporcionou alguns contra-ataques, bem executados, e no ataque estiveram sempre bem melhor que nos jogos anteriores cometendo bastante menos faltas técnicas, que o adversário, iniciaram o encontro da melhor maneira fazendo um parcial de 2-0, para aos 15 minutos estarem na frente do marcador por 8-3, e chegaram a ter uma vantagem de 7 golos, quando aos 21 minutos venciam por 11-4, quando técnico de Espanha solicitou o seu 2.º Time OUT, de seguida Portugal passa por um período menos bom, com os espanhóis a aproveitarem e bem as superioridades numéricas de que dispuseram (Portugal sofre 3 exclusões no 1.º tempo), e chegaram ao intervalo a perder por apenas dois 2 golos de diferença (13-11). No segundo tempo, nova boa entrada da equipa portuguesa com um parcial de 4-0, coloca o resultado em 17-11 aos 33 minutos, frutou das boas exibições de Gonçalo Nogueira (9 golos), Salvador (7 golos) e de Joel Ribeiro (3 golos), bem acompanhados desta vez pelos dois guarda-redes Carlos Oliveira e Francisco Oliveira, chegando mais uma vez aos 7 golos de vantagem aos 48 minutos (23-16), para atingir a maior vantagem aos 54 minutos (27-18), e terminar como justos vencedores, de um encontro em que nunca estiveram atrás no marcador, e no comando do jogo. Os melhores marcadores da equipa de Espanha, não passaram dos 3 golos, sendo um deles Eduardo Redondo, MVP no jogo pela sua equipa, o MVP da equipa de Portugal foi Salvador. A Arbitragem, que dirigiu este encontro e que foi a dupla feminina norueguesa constituída por Jovana Dasic e Marte Varlo, que tinha dirigido a equipa Nacional no jogo com a Suécia, mantiveram os seus princípios de jogo algo permissivo em termos da sanção progressiva, mas foi perfeitamente equilibrada, e sem qualquer influência no resultado.

Resultados
1.ª Jornada
Dia 27-10-17
Suécia 18 – 23 Espanha
Noruega 35 – 27 Portugal
2.ª Jornada
Dia 28-10-17
Portugal 23 – 28 Suécia
Noruega 21 – 23 Espanha
3.ª Jornada
Dia 29-10-17
Espanha 20 – 28 Portugal
Noruega 24 - 26 Suécia

Classificação Final: 1.º Espanha, 2.º Suécia, 3.º Noruega e 4.º Portugal

A nossa última participação, foi em 2014, com o torneio a ser disputado em Portugal (Mêda, Castelo Rodrigo e Pinhel), onde obtivemos um excelente 2.º lugar, em 2016 ficamos em último lugar contabilizando derrotas nos 3 encontros, com a Suécia (equipa que organizou a prova) como vencedora do torneio. Em 2017, terminamos com a mesma classificação de 2016, em último lugar, mas contabilizando uma vitória precisamente sobre os vencedores do Torneio

Noticias

sábado, 28 de outubro de 2017

Andebol de Praia 2017 / 2018 – Taças Europeias – V

Terminada que foi a Fase de Grupos, das provas que se estão a disputar nas Canarias (Espanha), até dia 29 de Outubro de 2017, as Champions CUP (ChC), tanto em masculinos como em Femininos, disputando-se um total final de 88 jogos, nos dois géneros.
As provas Estão a ser disputadas por 12 equipas em cada género, onde foram divididas em duas séries.

Tendo as equipas portuguesas nos dois géneros, atingido os 1/4 Final, o que se saúda desde já.

Os Resultados e Calendário das equipas Portuguesas participantes na Prova, até ao momento foram:

Masculinos (Fase de Grupos)

Grupo A
Dia 26-10-17
Ciudad de Malaga (Espanha) 2 – 0 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça
Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça 2 – 1 Kavlinge HK (Suécia)
Dia 27-10-17
Team Italia (Itália) 0 – 2 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça
BHT Auto Forum Petra Plock (Polónia) 2 – 0 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça
Dia 28-09-17
SG Schurwald (Alemanha) 0 – 2 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça

A equipa portuguesa classificou-se em 3.º lugar do seu Grupo, defrontando nos 1/4 Final o 2.º Classificado do Grupo B. Tendo desta forma já garantido um lugar nos 8 primeiros classificados.

1/4 Final
Dia 28-10-17
Pinturas Andalucia BM Playa Sevilla (Espanha) 0 – 2 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça

Com o resultado ocorrido e pela 1.ª vez a equipa portuguesa está nas 1/2 Final da prova o que significa que os objectivos previstos estão atingidos.

Dia 29-10-17
1/2 Final
Club BM Ciudad de Malaga - Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça (10H30)

Femininos (Fase de Grupos)

Grupo B
Dia 26-10-17
Cannabis Energy Drink (Eslováquia) 2 – 0 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça
Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça 20 Bruder Ismaning (Alemanha)
Dia 27-10-17
Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça 2 - 1 Honefoss (Noruega)
London Great Dane Handball Club (Grã-Bretanha) 0 – 2 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça
Dia 28-10-17
C.BM Playa Algeciras (Espanha) 20 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça

A equipa portuguesa classificou-se em 4.º lugar do seu Grupo, com o mesmo número de pontos que o 3.º Classificado, defrontando nos 1/4 Final o 1.º Classificado do Grupo A. Tendo desta forma já garantido um lugar nos 8 primeiros classificados.

1/4 Final
Dia 28-10-17
Multichem Szentendrei (Hungria) 2 - 0 Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça (14H15)

O objectivo ainda pode ser atingido, mas com a derrota nos 1/4 Final a equipa portuguesa irá disputar os jogos classificativos do 5.º ao 8.º lugar

Dia 29-10-17
5/8 Lugar
Os Gordos/Labminho – Clube Naval de Leça – Cannabis Energy Drink (09H00)

Horas Locais

Todos os jogos são transmitidos em livestream, em:
https://www.youtube.com/user/ehfTV

Como somos teimosos, e mantemos este texto, porque o mesmo está perfeitamente actualizado, “Terminamos esta crónica, perguntando para que serve o Banner existente no sítio da Federação, que em vez de nos levar para uma página do Andebol de Praia, nos leva para o Regulamento do Andebol de Praia, fazendo uma repetição do que já se encontra descriminado no sub menu Estatutos e Regulamentos, sendo portanto na sua forma actual completamente inútil.”

O Noticias

ScandIbérico Masculino Juniores “B” - 2017 - III

SCANDIBÉRICO MASCULINO JUNIORES “B” – 2017
(Portugal perde com a Suécia)

Na continuação do Scandibérico Masculino Juniores B – 2017, que se está a disputar-se em Hamar na Noruega, e que termina no dia 29 de Outubro, Portugal realizou hoje o seu segundo encontro, defrontando a equipa da Suécia.

De referir que na programação prevista para esta Selecção apenas existe esta participação, e uma nova participação para outro Scandibérico em Agosto de 2017.

Portugal 23 – 28 Suécia

Depois da derrotada sofrida diante os anfitriões do torneio (Noruega), Portugal realizou o seu segundo encontro, desta vez diante a equipa da Suécia, e mais uma vez a sua apresentação foi “lamentável”, com atletas a apresentarem-se com camisolas, com publicidade e um design e outros em publicidade e com design diferente, na nossa opinião uma má demonstração da falta de qualidade no tratamento das equipas Nacionais. A Selecção Nacional, voltou a perder um encontro que esteve plenamente nas suas “mãos”, mas demonstrou ser uma equipa demasiado dependente de alguns jogadores que acabam por estar demasiado tempo em jogo, como Gonçalo Nogueira (6 golos), e Salvador (4 golos), e ainda Joel Ribeiro (4 golos), além de que existe uma notória diferença entre os dois guarda-redes, pelo menos neste encontro ela foi visível, de tal forma que CARLOS Oliveira, foi o MVP da Selecção Nacional. Portugal comandou o marcador até aos 43 minutos, quando vencia por 20-19, depois de ter chegado ao intervalo a vencer por 15-12, e já no segundo tempo, ter possuído 6 golos de vantagem quando vencia por 19-13 aos 37 minutos, mas sofre um parcial de 13-2 em 17 minutos e aos 54 minutos de jogo perdia por 26-21, resultado que ditou os números finais. A equipa portuguesa cometeu, segundo os nossos dados cerca de 17 faltas técnicas durante os 60 minutos, com especial incidência nos maus passes, e nas más recepções, além de mais uma vez ser completamente precipitada em termos atacantes, dando a sensação de que por vezes estava a “agredir” o guarda-redes sueco, do que a rematar à baliza, além de se notar o deficit não de envergadura física mas sim de preparação física, por a nossa recuperação feminina deixa muito a desejar, e perante jogadores como os suecos Gasper Kall, ou o seu MVP Viktor , é fatal. A Arbitragem, que dirigiu este encontro e que foi a dupla feminina que tinha dirigido na véspera o Espanha Suécia, tem um principio de jogo demasiado permissivo em termos da sanção progressiva, mas foi perfeitamente equilibrada, e sem qualquer influência no resultado.

Resultados e Calendário (Poderão surgir eventuais alterações)
1.ª Jornada
Dia 27-10-17
Suécia 18 – 23 Espanha
Noruega 35 – 27 Portugal
2.ª Jornada
Dia 28-10-17
Portugal 23 – 28 Suécia
Noruega 21 – 23 Espanha
3.ª Jornada
Dia 29-10-17
Espanha - Portugal (22H00)
Noruega - Suécia (24H00)

Horas Locais

A nossa última participação, foi em 2014, com o torneio a ser disputado em Portugal (Mêda, Castelo Rodrigo e Pinhel), onde obtivemos um excelente 2.º lugar, em 2016 ficamos em último lugar contabilizando derrotas nos 3 encontros, com a Suécia (equipa que organizou a prova) como vencedora do torneio.

Noticias