gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 9 de abril de 2017

Crónica de Fim-de-semana – 23 – 2016 / 2017 – II

Ligeira e possível, crónica relativa à Fase Final Grupo A da PO02, com a realização da 2.ª Jornada desta Fase.

PO02 – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos.

Resultados
Fase Final Nacional Grupo A
2.ª Jornada
Dia 08-04-17
CDE Camões 31 - 36 São Bernardo
Vitória FC 22 - 22 AD Sanjoanense
GC Santo Tirso 26 - 21 Xico Andebol

Realizou-se a 2.ª jornada da Fase Final desta prova, que vai, além de designar o Campeão Nacional da Divisão, determinar as duas equipas, com subida direta á 1.ª Divisão Nacional. Deve-se destacar que foi uma jornada disputada sem o registo de ocorrências disciplinares, apesar do equilíbrio em alguns dos encontros. Assim como se deve destacar que o encontro entre dois dos grandes favoritos, foi disputadíssimo e terminou numa verdadeira igualdade, enquanto os restantes jogos, tiveram um relativo equilíbrio, pois os seus resultados não foram desproporcionados, o que nos faz continuar a prever uma Fase Final com grande equilíbrio, em especial na disputa dos primeiros lugares, embora se reconheça que ainda será provavelmente cedo para grandes previsões. Pela positiva e tal como na jornada anterior, em apenas um dos encontros a presença de público nestes encontros esteve abaixo do razoável, o que é saudável para a competição.

No Pavilhão Antoine Velge, disputou-se um encontro entre duas equipas que se entregaram ao jogo de corpo e alma, o Vitória FC / AD Sanjoanense, que foi um jogo de bastante equilíbrio apesar de equipa da casa comandar durante mais tempo o marcador, chegando a ter 4 golos de vantagem (maior diferença em todo o encontro), quando vencia por 7-3, mas foi permitindo que a AD Sanjoanense fosse impondo o seu jogo, e fosse progressivamente reduzindo a diferença para chegar ao intervalo a perder por apenas um golo de diferença (12-11). No segundo tempo, o total equilíbrio foi uma constante do jogo, com as igualdades a sucederem-se, e apenas uma vez a AD Sanjoanense esteve na frente do marcador, quando vencia por 22-21, com a equipa do Vitória FC a marcar o golo da igualdade já nos momentos finais do encontro. Este teve como curiosidade o número de exclusões sofrida pela equipa da casa, que apenas destacamos por não ser normal (9 exclusões). O Experiente João Pinto com 7 golos foi o melhor marcador do Vitória FC, seguido por Francisco Fuzeta com 5 golos, por sua vez Rui Rodrigues com 5 golos foi o melhor marcador da AD Sanjoanense. Registe-se a curiosidade de a equipa visitante registar a sua segunda igualdade na prova, e sendo uma das 3 equipas ainda sem registar qualquer vitória. Tivemos no Pavilhão Moniz Pereira o CDE Camões / São Bernardo, onde a equipa da casa ainda no primeiro tempo chegou a ter 4 golos de vantagem, quando vencia por 10-6, , para permitir que um dos declarados favoritos desta Fase o São Bernardo, iguala-se ainda nos primeiros 30 minutos a 12 golos, para de seguida passar a comandar o marcador e chegar ao intervalo a vencer por 18-15. No segundo período de jogo, apesar do aparente equilíbrio no jogo, os homens da Região de Aveiro, mantiveram mais discernimento, e consolidaram a sua vitória, sendo uma das quatro equipas que ainda não conhecem o sabor da derrota nesta Fase. João Costa e Ricardo Queirós, ambos com 7 golos, cada, foram os melhores marcadores do CDE Camões. No São Bernardo, com uma boa rotação do plantel, 12 jogadores marcaram golos, sendo Leandro Rodrigues com 11 golos, e Albano Lopes com 5 golos os seus principais marcadores. No Municipal de Santo Tirso tivemos mais um encontro entre equipas que se conhecem bem, pois disputaram a mesma zona de apuramento, o GC Santo Tirso / Xico Andebol, com a vitória do GC Santo Tirso, desempataram pois anteriormente tínhamos uma vitória para cada equipa. Este encontro encerra ainda a curiosidade de apenas ter sido solicitado um Time-OUT, o que nos demonstra a competitividade de ambas as equipas e o cumprimento do planeado. Foi um encontro sempre disputado com algum equilíbrio, com os locais a chegarem ao intervalo a vencerem por 13-11, para consolidarem o resultado no segundo tempo, onde nunca perderam a frente do marcador, e “parece-nos”, que chegaram a esta fase da prova com outra motivação. O GC Santo Tirso, que teve 10 jogadores a marcarem golos, sendo João Nogueira com 8 golos, e Pedro Machado com 5 golos os seus principais marcadores, por sua vez no Xico Andebol, Cesar Gonçalves com 6 golos foi o seu melhor marcador.

 Após a 2.ª Jornada a Classificação ficou assim estabelecida: - 1.º Vitória FC, São Bernardo, e GC Santo Tirso (5 pontos), 4.º AD Sanjoanense (4 pontos), 5.º Xico Andebol (3 pontos), 6.º CDE Camões (2 ponto).

Nota - Não ficaria mal á Federação, efetuar algumas transmissões através da Andebol TV.

O Banhadas Andebol

4 comentários:

Anónimo disse...

A dupla Trinca/Monteiro a fazer das suas como habitual em Setúbal. 9 exclusões para a casa e 3 para a Sanjoanense. Entre óbvias dualidades de critérios. O último sete metros foi só para se limparem e não parecer tão escandaloso. Já no primeiro jogo a dupla vinha instruída para meter respeito. Parece que a federação prefere um clube que meta 100 pessoas no Pavilhão e não um com história e tradição com um público fiel. Parece que querem fazer ao Setúbal o mesmo que ao meu Ginásio há uns anos. Estarem ao serviço dos poderes do Norte na federação. Maldito ser da margem Sul. É dos poucos pavilhões onde dá prazer e emoção ver andebol actualmente, mesmo na segunda tem maus gente que o top 5 da primeira. E isso incomoda pelos vistos. Como incomodou um pavilhão novo em Almada.

Anónimo disse...

Podem apagar o comentário que está identificado? Colocar apenas o anónimo. Não quero mais problemas para o Clube. Fica em anónimo como todos os outros por favor . Abraço!

Anónimo disse...

Sabem que há muito dinheiro em São João da Madeira...
Em dois jogos, têm quase 20 exclusões a favor!
E logo numa das equipas mais duras (embora leais) da 2a divisão.

Anónimo disse...

Leais?? O treinador parece um papagaio e os atletas so defendem de punho fechado....