gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Selecção Nacional “A” - Estágio em Lagos

PORTUGAL JOGA COM A RUSSIA

Portugal, vai realizar um estágio de preparação da Selecção “A” em Lagos de 03 a 06-01-13, que será na prática e conforme já foi noticiado a segunda parte do estágio já iniciado com a participação no Torneio do Qatar.
Aproveitando a sua localização geográfica, em relação ao Próximo Campeonato Mundo que se disputa na vizinha Espanha, a Rússia está em Portugal a efectuar a sua preparação final para a referida prova, assim realizará dois jogos com a nossa equipa, nos dias 5 e 6 de Janeiro de 2013, no Pavilhão Municipal de Lagos. Recordar que a Rússia integra o Grupo “B” na Fase Preliminar juntamente com as equipas Dinamarca, Macedónia, Islândia, Qatar e Chile (O texto no site da FAP, foi descuidado, pois refere a China, que nem sequer consta dos finalistas).

Foi conhecida hoje (30-12-12) a convocatória para este estágio, recordando nós o que o Seleccionador Nacional disse na altura da convocatória anterior, e que já tínhamos comentado em anterior texto “vamos ter oportunidade de observar o maior número de jogadores possíveis e, ao mesmo tempo, vamos ter a possibilidade de ‘pôr em marcha’ um número significativo de jogadores de forma a quando chegarem os jogos frente à Suíça, relativos à qualificação para o Europeu de 2014, no próximo mês de Abril, possamos contar com um leque alargado de opções.”. Também na altura afirmámos que achávamos estranha a convocatória com apenas dois jogadores do FC Porto, dizendo textualmente “É uma convocatória estranha pois apenas conta com dois jogadores do FC Porto (Wilson Davyes e João Ferraz), nós perguntamos não está convocatória directamente relacionada com a deslocação do FC Porto á Holanda para participar no torneio Limburgse Handbal Dagen 2012, e existem compromissos entre a FAP e o FC Porto, provavelmente seria mais correcto informar que vão existir duas convocatórias por este motivo.”. Depois da divulgação desta convocatória, deixamos de ter dúvida sobre o que escrevemos apesar das críticas sobre esta nossa afirmação. Pois colocamos a questão da seguinte forma: Quem saiu da convocatória? Quem entrou?
Calendário
Dia 05-01-13
Portugal – Rússia (18H00)
Dia 06-01-13
Portugal – Rússia (16H00)

Estranhamente a FAP, não divulga, qualquer nomeação para estes jogos. Porquê? Estaremos atentos, pois a transparência deve ser uma constante em toda a actividade Federativa. Se após este a publicação deste texto, vierem a ser divulgadas as nomeações, o mesmo já terá servido para algo.

BOM ANO

O Noticias

domingo, 30 de dezembro de 2012

Torneio das 4 Nações Juniores “A” Masculinos – 2013 – II

ESPANHA VENCE TORNEIO DAS 4 NAÇÕES

A Selecção de Juniores A Masculina, começou da pior maneira a sua presença no Torneio das 4 Nações, sendo completamente “cilindrada” pela sua congénere espanhola, sofrendo um resultado que diz tudo acerca da qualidade destas duas equipas, e o muito trabalho que ainda tem pela frente o novo responsável. Agora dizer que “…Há derrotas que não podemos perder muito tempo a pensar nelas. Esta é uma delas…”, não estamos de acordo pois devem ser recordadas e bem, para não cometer os mesmos erros e ter um comportamento mais digno. Portugal neste jogo nunca se encontrou a si próprio e se aos 5 minutos apenas perdia por 5-3, aos 20 já perdia por 13-9, chegando ao intervalo a perder por 21-11, para depois ser sempre em decrescendo chegando aos 50 minutos a perder por 34-15. Num jogo onde Rui Silva (6 golos) e Daan Garcia (5 golos), foram os marcadores de serviço. Na equipa de Espanha, todos os jogadores de campo marcaram. Na nossa opinião a arbitragem não justifica tudo. Na 2.º jornada, defrontamos e perdemos com a Suíça, num encontro em que apenas equilibramos até aos 30 minutos, que chegou com uma igualdade a 12 golos. Os segundos 30 minutos foram de total domínio da equipa Suíça, que assumiu o comando do marcador aos 31 minutos (13-12) para não mais o largar, chegando a ter por diversas vezes uma vantagem de 5 golos, quando vencia aos 15 minutos por 20-15 e aos 55 por 25-20, através de um ataque planeado e de uma defesa eficaz. A equipa portuguesa apresentou-se sem soluções no ataque, com maus passes e remates precipitados, e com uma permeabilidade defensiva exasperante, apesar das diversas alterações no seu processo defensivo e nunca deram resultados positivos. A equipa Nacional preocupou-se muito em falar dupla de arbitragem (Feminina Francesa), na maior parte das ocasiões sem razão. Na jornada final, frente à equipa organizadora, efectuámos o melhor jogo do torneio, mas não chegou e fomos novamente derrotados. Foi uma participação que consideramos negativa, esperando no entanto que se tenham tirado ilações suficientes, para a que a participação no Grupo de Apuramento que se segue, seja bem mais positiva.

Lamenta-se que, os critérios editoriais do site da FAP, sejam mais uma vez ambíguos, pois por vezes, quando se perde nem o boletim de jogo, ou a constituição das equipas é publicado, enfim critérios!!!

Após este torneio segue-se o estagio final e a disputa do Grupo 2 (a disputar de 4 a 6 de Janeiro de 2013) dos Torneios de Apuramento Europeus para o Mundial de Sub 21 Masculino, que vai decorrer de 14 a 28 de Julho de 2013 na Bósnia Herzegovina.

Nota – Para ã disputa do Apuramento para o Mundial Sub 21, os convocados são exactamente os mesmos, que participaram neste torneio.

Resultados
Espanha 37 – 21 Portugal
França 24 – 22 Suíça
Portugal 23 – 25 Suíça
França 16 – 28 Espanha
Espanha 27 – 21 Suíça
França 27 – 23 Portugal

Classificação1.º Espanha, 2.º França, 3.º Suíça e 4.º Portugal

O Banhadas Andebol

sábado, 29 de dezembro de 2012

Selecção Nacional no Qatar – I

PORTUGAL VENCE TORNEIO INTERNACIONAL DO QATAR 
Portugal iniciou da melhor forma a sua participação no Torneio vencendo a equipa do Egipto por 30 -27, que se encontra em preparação para o Mundial de 2013, onde estará integrada no Grupo “D” na Fase Preliminar (Argélia, Austrália, Croácia, Espanha e Hungria).

Foi uma vitória construída cedo, com Portugal a vencer já ao intervalo por 16-11, foi um encontro com algumas dificuldades iniciais no sistema defensivo, que foram sendo progressivamente acertadas, o que permitiu à equipa Nacional executar alguns contra ataques, sendo pouco fomos, infelizes na concretização (segundo palavras do próprio seleccionador nacional). Usando mais vez as palavras do Seleccionador Nacional, voltámos a entrara mal no segundo período, onde as situações de inferioridade numérica, permitiram uma aproximação no marcador da equipa do Egipto. Wilson Davyes, Dario Andrade, Pedro Solha e David Tavares, foram os mais assertivos com 4 golos cada.

No segundo jogo do torneio defrontamos e vencemos por 27-24 a outra equipa que se encontra em preparação para o Mundial de 2013 em Espanha o Qatar, que fará parte do Grupo “B” na Fase Preliminar (Chile, Dinamarca, Islândia, Macedónia e Rússia).

Mais uma vez as facilidades concedidas na defesa poderiam ter sido fatais á equipa nacional, que por virtude disso vencia ao intervalo pela diferença mínima 13-12, efectuando um segundo período de garra com constantes alternâncias no marcador, mas em que nas situações de desvantagem demonstrámos alguma ansiedade e precipitação no ataque, ao ter demasiada pressa em resolver as situações. Pedro Solha (5 golos) e Pedro Portela (4 golos), foram os melhores marcadores da equipa.

Da conjugação dos resultados verificados até ao momento, Portugal defrontou a Suíça (no nosso adversário directo no Grupo 1 de apuramento para o Euro 2014), já com a vitória assegurada no Torneio e vence por uns claros 33-27, terminando invicto esta sua participação.

Portugal efectuou um controlo total do jogo (segundo as palavras do técnico Nacional), chegando ao fim dos primeiros 30 minutos a vencer por 16-13. José Costa e João Ferraz com 6 golos foram os marcadores de serviço neste encontro. Esta vitória não pode nem deve servir para se “embandeirar em arco”, pois os jogos a disputar com a Suíça no Grupo de apuramento não terão nada a ver com este.

Algumas Notas:

  • O Egipto substitui a Bósnia, sem ninguém ter sido informado, e nem à posterior o site da FAP, dá conta desta substituição. 
  • Portugal só inscreve 15 atletas nos Boletins de jogo? Constatamos que Bruno Moreira, não está inscrito, Porquê? Não embarcou com os colegas, e deslocaram-se só 15? Se foi assim, porquê? Será qua não havia ninguém de reserva… Está lesionado e o técnico quis arriscar? Tudo bem, mas a falta de informação adequada, leva a todo o tipo de especulações. 
  • Sobre a Actividade da já célebre dupla de arbitragem a informação é zero, porquê?
Resultados dos Jogos

Portugal 30 - 27 Egipto
Suíça 29 – 23 Qatar
Portugal 27 – 24 Qatar
Suíça 25 – 25 Egipto
Portugal 33 – 27 Suíça
Qatar 24 – 22 Egipto

Classificação final:- 1.º Portugal, 2.º Egipto, 3.º Qatar e 4.º Suíça

Agora segue-se nova convocatória e a disputa em Lagos de dois jogos com a Selecção da Rússia (Grupo “B” na Fase Preliminar com Chile, Dinamarca, Islândia e Macedónia, que efectuará um estágio na Cidade de Lagos de 03 a 11-01-13, efectuando-se os dois jogos, um a 05 e o outro a 06, no Pavilhão Municipal de Lagos. Estamos “ansiosos” por ver a convocatória. E a constituição da comitiva, agora que é em território Nacional.

Estamos atentos às nomeações que irão ser efectuadas para estes encontros.

O Noticias

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

eBook EHF – 2012

A EHF publicou o seu ebook, relativo à actividade do andebol durante 2012, com textos extraordinariamente interessantes, e com a curiosidade de Página 40, ser a voz da FAP, que aqui traduzimos sem comentários, ficando a mesma como histórico daquilo que alguém enviou para publicação. Documento completo pode ser consultado neste link.


A voz da...
Federação de Andebol de Portugal

FC Porto, ABC Braga, bem como dois dos clubes de Lisboa, Sporting e Benfica são as marcas do andebol Português. Braga participou da final da Champions League EHF na sua primeira época em1994. Actualmente, existem
cerca de 40.000 praticantes do sexo masculino e feminino em Portugal, onde o andebol é o segundo desporto mais popular praticado em pavilhão. Os mais famosos jogadores portugueses andebol são Hugo Laurentino, Tiago Rocha, Carlos Carneiro, Cláudio Pedroso, que foram em parte responsáveis ​​pelos maiores sucessos da selecção nacional. A equipe nacional de Juniores de Portugal já possuiu alguns títulos em campeonatos, como o Campeonato da Europa em 1992 e 1994, sendo a próxima geração de jogadores, medalha de prata, ao tornar-se vice-campeã no campeonato de 2010 masculino Sub 20 Europeu na Eslováquia. Um objectivo particular da federação Portuguesa é conseguir a qualificação para os Jogos Olímpicos de 2020.

O andebol masculino tornou-se bem sucedido e forte, o que se está fazendo para melhorar o andebol feminino?

A fim de melhorar o andebol feminino, tentamos fortalecer as competições entre os escalões mais jovens, e ao mesmo tempo temos estimulado as competições das seniores, tentando encorajar mais mulheres a jogar andebol. Ao mesmo tempo, estamos fazendo tudo o podemos, para aumentar a nossa participação em jogos internacionais, principalmente dentro das equipes nacionais dos escalões mais jovens, através do estabelecimento de programas de cooperação. A Federação Portuguesa, também criou centros de formação em diferentes áreas do país para as melhores jogadoras, e além disso também tentamos ajudar financeiramente os clubes femininos de handebol onde e quando podemos.

Vocês têm um ex-jogador de classe mundial como treinador da equipa nacional masculina – sendo necessário muita ajuda exterior para fortalecer o andebol em Portugal?

Portugal é o país mais ocidental da Europa e, portanto, a possibilidade de jogar jogos internacionais é muito mais fraca do que para os países localizados no centro ou norte da Europa. Incentivos neste sentido são sempre bem-vindos.

Quais são os vossos projectos para atrair os mais jovens para o jogo?


A Federação de Andebol de Portugal continua a ser proactiva, estabelecendo fortes níveis de cooperação dentro das escolas, nessa área ganhamos ao futebol organizando e promovendo novos clubes escolares, ou seja, em as áreas onde o andebol tem fraca implementação. Ao mesmo tempo, continuamos a estabelecer programas de cooperação com os municípios, a fim de manter a prática do andebol vivo nessas regiões.

Aqui em Portugal, estamos tentando garantir que todas as áreas de andebol recebem
atenção suficiente a fim de verificar um desenvolvimento sustentado. Por exemplo, nós levamos a formação de árbitros e treinadores muito a sério, pois são factores nos preocupam, sendo factores importantes para o desenvolvimento do andebol. Além disso, levamos para a escola o mini-andebol, a federação também tem desenvolvido projectos para usuários de cadeira de rodas e presos.
(Fonte ebook – EHF – PAG 40)

O Formador

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Informação – Clubes – Modicus

AUSTRÁLIA PREPARA MUNDIAL 2013 EM PORTUGAL

A Selecção de Andebol da Austrália, que faz a sua preparação final para o Mundial de 2013 que se disputa em Espanha, na zona Norte do País, efectua um jogo preparação com o Modicus Sandim.

A.D. MODICUS – SELECÇÃO DA AUSTRALIA EM 03-01-2013 ÀS 19H00
O Noticias

Informação - Clubes - Diversas

AC LUSITANOS
O Noticias

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

As Diabruras do Conselho de Arbitragem…

O Recente eleito CA da FAP, parece que começou com algumas decisões de conteúdo duvidoso, uma das quais tem levantado grande polémica, e é uma autêntica diabrura que se fez aos árbitros Internacionais, e que já foi por nós sublinhada em recente texto.

Infelizmente até deu origem um excelente texto publicado no Jornal a Bola em 22-12-12, e aqui reproduzimos:
Este texto aborda a inclusão da dupla, António Trinca / Tiago Monteiro, na comitiva portuguesa para o Torneio do Qatar, interrogando de forma clara, o porquê dos Internacionais terem sido excluídos?

Até ao momento nenhuma justificação foi dada, e estamos convictos que nada vai ser dito, além do que posteriormente o site da FAP escreveu ao dizer que foi “convidada uma dupla”, mas seria esta, o texto da FAP, apenas serve de justificação para dizer que os custos não são dela… Mas não justifica critérios! Ou será que esta dupla é para promover e incentivar a sua carreira na arbitragem! Quem são na realidade os responsáveis por esta nomeação que marginaliza todo um grupo de Árbitros Internacionais, marginaliza todas as jovens duplas…

Será que o Conselho de Arbitragem, não entende que para jogos Internacionais sejam Oficiais ou Particulares apenas devem ser exclusivamente Nomeados quadros da EHF no mínimo, ou será quando existirem outros tipos de torneios em a FAP, terá de suportar as despesas esta dupla ou outra similar estará na linha da frente… è uma pena que em momento que se deseja de acalmia para a modalidade existam este tipo de procedimentos. Já agora e qual a posição da Direcção da FAP??

Ficamos a aguardar, “O filme segue dentro de momentos”

O Reticências

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Torneio das 4 Nações Juniores “A” Masculinos – 2013 – I

TORNEIO DAS 4 NAÇÕES
A Selecção de Juniores A Masculina, vai participar no Torneio das 4 Nações, que será a preparação final para a disputa do Grupo 2 (a disputar de 4 a 6 de Janeiro de 2013) dos Torneios de Apuramento Europeus para o Mundial de Sub 21 Masculino, que vai decorrer de 14 a 28 de Julho de 2013 na Bósnia Herzegovina.
Lista de convocados, sem comentários:
Nota – Para ã disputa do Apuramento para o Mundial Sub 21, os convocados são exactamente os mesmos.

O Torneio conforme já tínhamos noticiado, disputa-se de 28 a 30 de Dezembro de 2012 em Creteil (França) no Palais Des Sports R. Oubron, e contará com a participação das equipas da França, Espanha e Suíça além de Portugal. De salientar a ausência da Alemanha um habitual participante.

Calendário
Dia 28-12-12
Espanha - Portugal (16H00)
França – Suíça (18H00)
Dia 29-12-12
Portugal – Suíça (16H00)
França – Espanha (18H00)
Dia 30-12-12
Espanha – Suíça (10H00)
França – Portugal (12H00)

As duplas presentes todas Francesas e pertencentes ao Grupo de árbitros jovens (YRP) da EHF, são:

Florine Martineau / Julie Tissier (Feminina)
David Bidaud / Théo Caillaud
Yann Carmaux / Julien Mursch

Nota – No último Torneio das 4 Nações disputado na cidade do Porto em Janeiro de 2012, Portugal classificou-se em 2.º Lugar atrás da Espanha.

Desejamos Boa Sorte a toda a comitiva

O Banhadas Andebol

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Boas Festas – Agradecimento e Retribuição - 2012

Que apesar das dificuldades porque todos estamos passando, e que se reflectem na modalidade em todas as suas vertentes, que o Novo ano nos traga mais desenvolvimento, mais e melhor actividade, mais e melhor bom senso, mais e melhor qualidade e acima de tudo uma melhoria efectiva de transparência nos processos e nos actos, mais e melhor informação.

Que 2013 seja um ano de serenidade.

A Todos os nossos leitores agrademos e retribuímos os desejos de BOAS FESTAS, enviando um Bem-haja a TODOS

Saudações Andebolistas.

O Administrador

domingo, 23 de dezembro de 2012

Crónica Intermédia de Fim de Semana – 19 – 2012 / 2013 – I

Crónica intermédia de fim de semana relativa à PO01, relativa à 5.ª Jornada da 2.ª volta da 1.ª Fase. A prova sofre uma interrupção só regressando em 12-01-2013. Continuamos a repetir o nosso lamento de que apenas existam transmissões em televisões de clubes e na FAP TV, e agora através da BOLA TV, o que se saúda. A Televisão Publica a optar pela total ignorância da modalidade.

PO01 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Masculinos.
16.ª Jornada
Avanca - Madeira SAD (Adiado – 03-02-12)

FC Porto 37 – 25 AC Fafe
Belenenses 23 –
30 ABC
Sporting 47 – 22 Xico Andebol
SC Horta 28 – 23 CDE Camões
Águas Santas 24 –
28 Benfica
Mais um jogo adiado de uma equipa da Madeira, a “saga” continua, foi mais um adiamento de última hora, com a o jogo a passar para Fevereiro, o motivo certamente terá sido o mesmo falta de financiamento para as viagens, e continua-se com a esperança de que a partir de Janeiro estará tudo resolvido, nós questionamos estará… Para já não falar na verdade desportiva e na competitividade da prova, o Madeira SAD tem o segundo adiamento. Felizmente a jornada conteve jogos que despertaram grande interesse, começando por aquele que se disputou em Maia, o Águas Santas / Benfica, que foi um encontro agradável de seguir, disputado num pavilhão com uma excelente moldura humana, e com uma razoável qualidade, com total equilíbrio até aos 53 minutos de jogo, quando se verificou a última igualdade no marcador (24-24), e o Benfica a saber e bem aproveitar a experiência dos seus atletas e a grande forma de Vicente Alamo, bem como o período de menos acerto do Águas Santas, para a fazer um parcial de 4-0 e estabelecer o resultado final. No Águas Santas de assinalar finalmente o verdadeiro aparecimento de Bosko Bjelanovic (6 golos), tantos quantos o seu companheiro de equipa Pedro Cruz. O Benfica que na presença das dificuldades que lhe foram criadas pela equipa nortenha, apenas utilizou 10 jogadores, destacando-se a excelente exibição de Dario Andrade com 9 golos. Mas a possível surpresa veio do resultado que se verificou no SC Horta / Camões, com os liceais a efectuaram o seu encontro mais equilibrado e que ia causando alguma surpresa, com os 30 minutos iniciais jogados com um total equilíbrio, atingindo-se o intervalo com uma a igualdade a 15 golos (o Camões concretizou o seu 15 golos aos 28 minutos). No segundo período o SC Horta entrou decidido a resolver a jogo, e apesar dos liceais apenas terem marcado o seu 16.º golo aos 37 minutos, estando durante 9 minutos sem concretizar, não permitiram que a equipa insular se distanciasse no marcador, de tal forma que o resultado aos 56 minutos de jogo era de 24-22 a favor do SC Horta, sendo determinante para diferença final as duas exclusões que o Camões sofreu nestes minutos finais. No SC Horta mais uma vez foi preponderante o trabalho do veterano Yuriy Kostetsky (7 golos), muito bem acompanhado com a excelente exibição de Nuno Silva na Baliza dos Açorianos com 47% de eficácia. NO Camões João Oliveira (6 golos) e Hugo Dias (8 golos), foram as figuras em destaque nos lisboetas. Em Odivelas, no Sporting / Xico Andebol, verificou-se mais um resultado em completo desuso e descabido para uma 1.ª Divisão Nacional. Foi um jogo onde a sua história resume-se, na nossa opinião ao número golos, com o Sporting a efectuar 24 contra ataques dos quais concretizou 23, efectuando uma total gestão do plantel, e utilizando durante largos períodos de jogo os seus juniores inscritos no boletim de jogo. No Xico Andebol Ricardo Castro não esteve com a eficácia normal a defender as balizas (apenas 6%), e na equipa de Lisboa Pedro Solha com 9 golos e 100% de eficácia, foi um dos elementos em destaque. No Dragão Caixa, disputou-se o FC Porto / AC Fafe, que foi outro encontro sem praticamente sem história, com a equipa da casa a comandar o marcador durante os 60 minutos, e com uma total gestão do plantel, onde se assinala o ressurgimento de João Ferraz (7 golos), que tem andado um pouco “apagado” nos últimos tempos, e a eficácia de Hugo Laurentino (45%). O AC Fafe, que como se sabe não tem argumentos para contrariar a superioridade do FC Porto, destaca-se a actuação de Cláudio Mota (8 golos) e de Luís Nunes (6 golos). Por no Restelo no jogo Belenenses / ABC, verificou-se a vitória da equipa de Braga. Após a realização desta jornada, a classificação ficou assim ordenada: 1.º FC Porto (46 pontos), 2.º Benfica (45 pontos), 3.º Sporting (- 1 jogo) e ABC (38 pontos), 5.º Águas Santas (35 pontos), e 6.º SC Horta (33 pontos), continua em último lugar o CDE Camões (16 pontos) apenas com derrotas.

Belenenses 23 – 30 ABC

Num encontro disputado num pavilhão, que normalmente se apresenta muito bem composto, mas que desta vez os mais ruidosos foram a s claques da equipa visitante, que era composta pelos escalões de formação do ABC que se tinham deslocado com a equipa. O Belenenses que se apresentou mais uma vez sem Belone Moreira (E que falta ele fez), e sem João Moniz um dos guarda redes da sua equipas, e que afinal apresenta como seu técnico principal o seu técnico dos Juniores (Carlos Jorge), deu a réplica possível, pois verifica-se ainda que alguns dos seus principais atletas se encontram em Sub rendimento. Apresentou-se sem velocidade no ataque, com uma lentidão não esperada e com Elledy Semedo (6 golos), apesar de ser o melhor marcador da equipa a apresentar-se completamente fora de forma (Provavelmente a fazer a sua despedida da equipa, segundo os rumores que correm). O ABC pelo seu lado apresentou com uma forte superioridade defensiva, e na 1.ª linha apenas Pedro Seabra (6 golos), cumpria a sua missão, foi uma equipa onde o seu técnico cedo começou a rodar todo o seu plantel. As falhas técnicas efectuadas pelas equipas foram em número desusado para uma PO01, num total de 41 (22 cometidas pelo Belenenses e 19 cometidas pelo ABC). A equipa do Belenenses, equilibra o marcador até aos 14 minutos quando perdia apenas por 1 golo de diferença (8-7), sofrendo de seguida um parcial de 6-0 e estando 9 minutos sem marcar, o que permitiu que aos 23 minutos o marcador apresenta-se um resultado favorável ao ABC de 14-7. O Intervalo foi atingido com o resultado em 20-15, favorável á equipa Bracarense. No segundo período de jogo existiu uma ténue reacção da equipa do Restelo, quando colocou o resultado em apenas 3 golos de diferença aos 45 minutos, 21-8 a favor do ABC, mas foi “sol de pouca dura”, pois os nortenhos rapidamente repuseram o resultado numa diferença confortável, que geriram até final do encontro. No Belenenses e na nossa opinião, André Vilhena apesar de a sua eficácia ficar apenas nos 25% foi um dos seus melhores elementos, sendo bem acompanhado por Tiago Miranda, enquanto Rui Silva está completamente fora de forma. No ABC Humberto Gomes (40% de eficácia), foi o melhor acompanhante de Pedro Seabra, provavelmente sentido a sua chamada à Selecção Nacional. Dirigiu o encontro a jovem dupla Portuense constituída por José Bessa e Pedro Fontes, qua não estiveram nos seus dias, tendo que rever urgentemente o critério da marcação de passos e da contagem dos apoios (Devem ver o vídeo deste jogo), onde existiu um autêntico exagero na sua marcação. Devem de igual modo quando se assinala uma falta usar a técnica gestual correcta para toda a gente entender o que assinalaram, não devem utilizar as paragens do tempo de jogo, como uma atitude defensiva para a sua actuação. (Foram demasiadas as interrupções para limpeza do piso que não se justificavam retirando grande ritmo a um jogo que já estava a ser lento).

Nota – Como é possível o Director de Campo, durante um T/O de equipa estar sentado no banco da equipa visitada, com o delegado ao jogo impávido e sereno sem qualquer actuação. Uma questão se coloca, face a este tipo de actuações, Para que servem?

O Banhadas Andebol

sábado, 22 de dezembro de 2012

Selecção Nacional no Qatar

PORTUGAL EM TORNEIO NO QATAR

A selecção Nacional, vai participar num Torneio de cariz Internacional que se vai realizar no Qatar, de 27 a 29 de Dezembro de 2012, onde participam ainda as Selecções da Bósnia, Suíça e do Qatar. Uma referência especial para o organizador do Torneio, que se encontra em fase de preparação para a disputa do Mundial de Seniores 2013 (Grupo “B”), que se realizará em 2013 na nossa vizinha Espanha.
Portugal face à sua localização geográfica, poderá e deverá aproveitar para realizar jogos de preparação, com algumas equipas que eventualmente virão efectuar os seus estágios finais para o nosso País. Tal como o site da FAP informa em relação a alguns jogos com a Selecção da Rússia (Grupo “B”), que efectuará um estágio na Cidade de Lagos de 03 a 11-01-13. Portugal também estará em estágio de 03 a 06-01-13, efectuando dois jogos um a 05 e o outro a 06, no Pavilhão Municipal de Lagos.

O Seleccionador Nacional, efectua duas convocatórias distintas, poi segundo as suas próprias palavras “…vamos ter oportunidade de observar o maior número de jogadores possíveis e, ao mesmo tempo, vamos ter a possibilidade de ‘pôr em marcha’ um número significativo de jogadores de forma a quando chegarem os jogos frente à Suíça, relativos à qualificação para o Europeu de 2014, no próximo mês de Abril, possamos contar com um leque alargado de opções.”

Convocatória para o Qatar
É uma convocatória estranha pois apenas conta com dois jogadores do FC Porto (Wilson Davyes e João Ferraz), nós perguntamos não está convocatória directamente relacionada com a deslocação do FC Porto á Holanda para participar no torneio Limburgse Handbal Dagen 2012, e existem compromissos entre a FAP e o FC Porto, provavelmente seria mais correcto informar que vão existir duas convocatórias por este motivo.

Esta Selecção em época natalícia, tem uma comitiva como á muito não se via, só Oficiais de equipa são 6 e não á chefe de comitiva, pelo menos ali designado, porquê tanta gente, estamos assim tão abastados?

Mas a grande novidade é a inclusão na comitiva de uma dupla de árbitros, e reparem bem é uma dupla que não é internacional, nem nunca poderá ser face a idade dos seus elementos. Esta dupla foi indicada pelo CA, Porquê? Qual a justificação? Então as duplas Internacionais, servem para quê? Saberá o CA, que existem duplas, que ainda não são Internacionais, mas já fazem parte do Grupo Jovem da EHF? Estão a premiar a dupla, de quê? Não faremos mais comentários acerca da presença desta dupla, mas consideramos um total desrespeito pela arbitragem e pela modalidade.

O Noticias

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Alavarium Sem Pavilhão… Será Verdade!!!

ALAVARIUM DESPEJADO PELO IDPJ – COMO É POSSÍVEL!!!

Embora a notícia tenha sido pouco divulgado pelos grandes OCS, que nos recordemos, como a palavra andebol quase que não é referida, até escapou ao clipping da FAP. Mas tem sido amplamente divulgada por OCS Regional e até nalguns sites e blog da Região.

A verdade é que o IDPJ, deu um prazo máximo até ao passado dia 15 de DEZEMBRO, PARA O Alavarium desocupar o Pavilhão Desportivo em Aveiro, para acabar segundo dizem “com uma alegada situação irregular”.

Segundo o IDPJ, “possuidor precário” do Pavilhão, entende que este está indevidamente ocupado desde 2008, após a Câmara ter revogado o contrato então existente para a gestão do mesmo, e celebrado com o extinto IDP.

No entanto a Câmara, que por sua vez tinha cedido a utilização do Pavilhão ao Alavarium, alegava não ter condições financeiras para suportar os custos de manutenção. Situação que foi resolvida pelo Ex Secretário do Estado, que deixou a garantia de que o clube poderia continuar a usar o Pavilhão nas mesma condições.

 

Para o IPDJ, a falta de protocolos ou de contratos de cedência de utilização dos equipamentos estabelecidos com o Estado, através da entidade competente (Direcção Geral do Tesouro e Finanças), é uma “irregularidade” que deve acabar de “imediato”. É uma pena que estes procedimentos sejam aplicados a entidades Desportivas, normalmente Associações sem fins Lucrativos e que nas suas actividades se substituem aos deveres do Estado.

Até este momento além de se saber que o outro clube envolvido o Galitos, interpôs uma Providência Cautelar, não se sabe mais nada. Nem vimos qualquer desenvolvimento por parte das entidades que deveriam imediatamente participar num processo de regularização da situação, como a Associação de Andebol de Aveiro e a própria FAP, mas até ao momento está tudo no “segredo dos Deuses” como se costuma dizer.

Será a alineação deste património irá aliviar o défice nas contas públicas, ou será mais um dos cortes que foram feitos as verbas consignadas para o Desporto.

Haja bom senso e não se prejudique mais o desporto.

Iremos sempre que possível acompanhar o desenvolvimento deste processo

O Banhadas Andebol

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Nomeações – EHF – 2012 / 2013 - XIV

Apenas hoje (20-12-12), a EHF divulgou as nomeações para Árbitros e Delegados para os Grupos de Qualificação para o mundial de SUB 21 Masculino, cuja Fase Final será disputada na Bósnia Herzegovina de 14 a 28 de Julho de 2013.

Assim divulgamos as nomeações que abrangeram quadros portugueses


QUALIFICAÇÃO EUROPEIAS PARA MUNDIAL SUB 21 MASCULINO

Delegados

Manuel da Conceição - Foi nomeado para os jogos do Grupo 1, que se disputa na Holanda de 4 a 6 de Janeiro de 2013 e engloba as equipas da Holanda, Eslovénia, Islândia e Ucrânia. Estará presente em todos os jogos do Grupo num total de 6.

Árbitros

Duarte Santos / Ricardo Vieira – Foram nomeados para dirigir jogos do Grupo 6, que se disputa na Bielorrússia de 4 a 6 de Janeiro de 2013 e engloba as equipas da Bielorrússia, Polónia, Itália e Suíça. Irão dirigir os seguintes jogos: Dia 04 o Polónia / Itália, Dia 05 o Bielorrússia / Polónia e Dia 6 a Suíça / Polónia.

Aos nomeados endereçamos os nossos parabéns, e os desejos de que tudo corra pelo melhor.

O Regras

Crónica Intermédia de Fim de Semana – 18 – 2012 / 2013 –

Crónica intermédia de fim de semana relativa à PO01, relativa à 4.ª Jornada da 2.ª volta da 1.ª Fase. Continuamos a repetir o nosso lamento de que apenas existam transmissões em televisões de clubes e na FAP TV, e agora através da BOLA TV, o que se saúda. A Televisão Publica a optar pela total ignorância da modalidade.

PO01 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Masculinos.
15.ª Jornada AC Fafe 27 - 25 Avanca
Madeira SAD 26 -
27 SC Horta
CDE Camões 13 -
40 Sporting Benfica 29 - 17 Belenenses
ABC 21 -
26 FC Porto Xico Andebol 25 - 24 Águas Santas

Em mais uma jornada disputada a meio da semana, verificaram-se alguns resultados que embora não sejam grandes surpresas, não eram pelo menos expectáveis, como no encontro entre as equipas Insulares Madeira SAD / SC Horta que terminou com a vitória do SC Horta pela diferença mínima, num encontro disputado sempre com grande equilíbrio, e com várias situações de igualdade (24-24 aos 55 minutos). Mais uma vez o veterano Yuriy Kostetsky (9 golos) sendo 5 de 7 metros, foi o melhor marcador da equipa, seguido de perto por Filipe Pinho (/ golos), de referir que Rui Barreto que sofreu desqualificação directa com relatório. No Madeira SAD Gonçalo Vieira foi o mais Eficaz (86%) com os seus 6 golos (4 de 7 metros), tantos quantos foram marcados por Carlos Siqueira e João Paulo Pinto. Em Guimarães onde se disputou o Xico Andebol / Águas Santas, outro encontro com um resultado final menos esperado, a vitória do Xico Andebol pela diferença mínima, obtida sobre os 60 minutos com a concretização de Filipe Magalhães, após um remate de Pedro Cruz e a defesa de Ricardo Castro. Foi mais encontro de total equilíbrio, onde a maior vantagem de uma equipa sobre a outra se cifrou nos 3 golos de diferença, com o Xico a vencer aos intervalo por 14-11, com a equipa da Maia a recuperar, e nos segundos 30 minutos foram diversas as igualdades verificadas, assim como as alterações no comando do marcador. Aos 59 minutos registava-se uma igualdade a 24 golos. No Xico Andebol, mais uma vez Ricardo Barreiros (8 golos) foi o seu melhor marcador, enquanto pelo Águas Santas foi Eduardo Salgado (6 golos). Uma referência especial para o trabalho do GR do Xico Andebol Ricardo Castro (47% de eficácia), grande responsável pela vitória da sua equipa. Tivemos ainda o ABC / FC Porto, que era considerado o jogo da jornada, e onde os adeptos se mais fixavam, pois as expectativas de ver a réplica dos Bracarenses aos Campeões Nacionais eram elevadas. Foi um encontro de grande equilíbrio, nos primeiros 30 minutos, verificando-se ao intervalo uma igualdade a 10 golos, de referir que neste período o FC Porto esteve sem marcar desde os 20 minutos, quando o resultado lhe era favorável por 10-7, até cerca dos 33 minutos quando estabeleceu a igualdade a 11 golos. O FC Porto aproveitando as falhas de ataque da equipa bracarense, e utilizando uma das suas principais “armas” o contra ataque, faz um parcial de 5/0 passando resultado de 13-12 para a favor do ABC para 17-13 a seu favor aos 40 minutos, aproveitando da melhor forma as situações de superioridade numérica, acabando o equilíbrio do encontro neste momento com a equipa do FC Porto, a distanciar-se de forma gradual mas segura, estabelecendo a maior diferença cerca dos 56 minutos (24-18), e aos 59 minutos (26-20). O ABC que sentiu grandes dificuldades na 1.ª Linha, teve em José P. Coelho (9 golos), o seu melhor marcador, que concretizou todos livres de 7 metros da sua equipa em número de 6. No FC Porto destaque para os 12 golos de Tiago Rocha, onde também se incluem 5 livres de 7 metros. Em Fafe tivemos mais um jogo equilibrado o AC Fafe / Avanca, mas com a equipa da AA Avanca a comandar o marcador diversas vezes, chegando a estar com uma vantagem de 3 golos (14-11) aos 27 minutos, mas sempre com o Fafe a recuperar, chegando-se ao intervalo com a diferencia mínima (14-13) a favor da equipa da região de Aveiro. Nos segundos 30 minutos o Avanca manteve-se no comando até cerca dos 40 minutos (19-18) depois foram diversas as situações de igualdade, com o Fafe a passar em definitivo para a frente do marcador apenas aos 49 minutos (22-21). Na equipa do Fafe mais uma vez Luís Nunes (8 golos) e Cláudio Mota com igual número de golos foram os principais obreiros da vitória, enquanto no Avanca destaca-se Tiago Cunha com 7 golos, estranha-se que Kavalenka nem sequer tenha jogado. Para finalizar dois cujos resultados não deixam dúvidas acerca da superioridade dos vencedores, na Luz assistiu-se a um Benfica / Belenenses, totalmente desequilibrado, com os encarnados a comandarem o marcador deste o 1.º ao último minuto, marcando bem a sua superioridade, chagando ao intervalo a vencer já por 15-9. A eficácia dos guarda redes foi determinante, pois enquanto Vicente Alamo atingiu uns extraordinários 57%, enquanto Vasco Ribeiro apenas atingiu 27%. A equipa do Restelo que se apresentou com o seu técnico dos Juniores ao banco, não se concretizando a contratação de Luís Santana, que transitaria do Passos Manuel, e não apresentou os seus outros dois guarda redes João Moniz, e André Vilhena, bem Belone Moreira, apresentou-se no nosso entender mais fragilizado. O Benfica que encarou o encontro com bastante seriedade teve em Carlos Carneio o seu grande jogador de campo, não só a marcar (7 golos), como a fazer jogar e a assistir (6 assistências para golo). A equipa do Belenenses, onde não existe ninguém com especial destaque, de referir apenas o fraco rendimento de Elledy Semedo com apenas 4 golos e 29% de eficácia. No Casal Vistoso disputou-se o Camões / Sporting, que face aos números finais, é jogo sem grandes comentários, de referir apenas a utilização pelo técnico do Sporting, dos seus jovens, em grande períodos do jogo, com a curiosidade de todos os elementos inscritos no Boletim de Jogo, por parte da equipa do Sporting, com a natural excepção dos guarda redes terem marcado, em especial os jovens Sérgio Barros (5 golos) e Edmilson Araújo (4 golos), com Ricardo Dias a ser o melhor marcador com 8 golos, de salientar ainda a eficácia dos dois guarda redes do Sporting, Hugo Figueira com 57% de eficácia e Luís Oliveira com 59.Após a realização desta jornada, a classificação ficou assim ordenada: 1.º FC Porto (43 pontos), 2.º Benfica (42 pontos), 3.º Sporting (- 1 jogo) e ABC (35 pontos), 5.º Águas Santas (34 pontos), e 6.º SC Horta (20 pontos), continua em último lugar o CDE Camões (15 pontos) apenas com derrotas.

O Banhadas Andebol

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

PO20 - Taça de Portugal Seniores Masculinos – 2012 / 2013 – VI - Sorteio

Realizou-se hoje (19-12-12), o sorteio dos 1/8 Final da Taça de Portugal.
Resultados do Sorteio 1/8 Final - Jogos a realizar em 02-02-13

Sporting – AC Fafe
Santana – Marítimo
Xico Andebol – Benfica
Águas Santas – Vela Tavira / Modicus
Académico FC – Madeira SAD
Vitória FC – Passos Manuel
Ismai – FC Porto
Santo Tirso – ABC

Sorteio que em princípio não deve originar existência de grandes surpresas. Apenas dois jogos entre equipas da PO01, com o Benfica ter uma mais complicada, pois desloca-se a Guimarães defrontando uma equipa que tradicionalmente cria grandes problemas aos chamados favoritos. De referir a deslocação das duas equipas da Madeira à zona norte, prevendo-se que exista um encontro bastante equilibrado em Gueifães onde o Santana defrontará o Marítimo, em Setúbal haverá um jogo entre equipas da PO02 e da mesma zona, que será um encontro sempre equilibrado, apesar de os liceais já terem esta época vencido em Setúbal o Vitória FC por 28-23. Nos outros encontros natural favoritismo para as equipas da PO01.

Apurados para os 1/8 Final

2.ª Divisão (8) Ismai, Modicus ou Vela Tavira, Santana, Académico FC, Santo Tirso, Passos Manuel, Marítimo e Vitória FC.

1.ª Divisão (8) – FC Porto, Benfica, Sporting, Madeira SAD, ABC, AC Fafe, Águas Santas, Xico Andebol

Os 1/4 Final, serão disputados em 23-02-13,o sorteio ainda não tem data marcada.

O Noticias