gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

terça-feira, 30 de junho de 2009

Noticias – Continua a Saga – Mais um – Isave

Acabou ISAVE – Nasce a Academia de Andebol Maria Balaio

Segundo noticias chegadas até nós , mais um que acabou, já circulavam os boatos, mas no final confirmaram-se todas as noticias que vinham saindo.

Acabou o AD Isave, mais um , e foi criado um novo Clube de Andebol a Acadenis de Andebol Maria Balaio, que até teve honras de apresentação na Casa da Botica ( Câmara da Povoa de Lanhoso )

Mais uma vez consideramos uma nova fuga para a frente, como será que a FAP , vai aceitar tantas situações destas, que na maior parte dos casos são autenticas “fugas para a frente”, Diz-se que o AD Isave cedeu todos os direitos desportivos, e o resto que vai suportar, será que todos os credores da instituição que deixa a pratica da Modalidade, são mais uma vez esquecidos.

Só em Portugal

Ficaremos atentos ao que se vai passar, veremos se ainda haverão mais situações destas, quão permissivas serão as entidades que supervisionam a modalidade.

O jurídico

Informações – Madeira Handball

XXV – Madeira Handball

“O XXV Torneio Madeira Handball Coca Zero 2009 decorre no Funchal de 1 a 5 de Julho 2009, para os escalões de Iniciados e Juvenis. Masculinos e Femininos. Este é o Torneio mais antigo de Portugal, organizado pelo Académico do Funchal.

Participam 19 equipas (5 Iniciados Femininos; 6 Iniciados Masculinos; 4 Juvenis femininos e 4 Juvenis Masculinos) de 8 Clubes (AC lusitanos, 1º Dezembro de Queijas, SIR 1º Maio, Académico do Funchal, CD Infante, AD Camacha ,C S Madeira, C S Marítimo)

Para além do habitual dia dedicado ao Andebol de Praia, haverá ainda um jogo de antigas glórias do Académico, no dia 3 de Julho, antes do Jantar Convívio do Torneio.

Mais informações acdf@netmadeira.com ou paulovieira13@gmail.com
Académico do Funchal tel. 291230535 ou Prof. Paulo Vieira 969038012


Para celebrar o seu 25.º ano de existência!


A organização pretende realizar um jogo para os antigos atletas do Académico que participaram no Madeira Handball possam associar-se novamente a este evento, numa óptica de franco convívio e amizade. Chegou a hora de voltar a pisar o campo de jogo.

O jogo está agendado para as 20:00 do próximo dia 3 de Julho, no Pavilhão do Funchal.

Contamos com todos mas para o jogo poder realizar-se agradecemos que nos confirmem a V. presença, inscrevendo-se através de um simples contacto telefónico ou resposta a este mail.

Paulo Vieira 969038012 - paulovieira13@gmail.com
Rafael Santos 912119993 - sotnasr@gmail.com
ACDF 291230535 - acdf@netmadeira.com


Participem e divulguem junto de todos os academistas!”
(texto do Clube)
Da nossa parte parabéns e êxito na organização.

Noticias

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Crónica de Fim de Semana – 53

Fim de Semana em que terminaram mais algumas provas do Calendário nacional, incluindo a Taça de Portugal Seniores Masculinos, que mereceu um “post” dedicado.

PO12 – Campeonato Nacional de Juvenis Femininos

Maiastars – Campeão Nacional de Juvenis Femininos


Disputou-se este fim de semana em Alcanena , diga-se desde já uma localidade em que o Andebol Feminino começa a ter expressão e que tem o forte apoio do Município a Fase Final desta prova, com as seguintes equipas :

CD B. Perestrelo ( AA Madeira ) , CP Valongo do Vouga ( AA Aveiro ) , JAC Alcanena ( AA Santarém ) e Maiastras ( AA Braga ) , com a curiosidade de nem Lisboa nem o Porto terem representantes .

O Maiastars, renovou o titulo de campeão nacional , que já lhe pertencia, no entanto não foi fácil , pois duas equipas terminaram empatadas , sendo resolvido , pelo jogo entre elas , estamos a referirmo-nos ás Madeirenses do B. Perestrelo . Mas todas as outras equipas proporcionaram, sempre bons jogos.

Classificação Final – 1.º Maiastars , 2.º B.Perestrelo , 3.º JAC Alcanena e 4.º CP Valongo do Vouga.

PO15 – Campeonato Nacional de Infantis Masculinos


ABC - Campeão Nacional de Infantis Masculinos

Terminou este fim de semana o Campeonato nacional de Infantis Masculinos, cuja fase final se disputou no Pavilhão da ES da Povoa do Lanhoso, nos dias 25 a 28 , com a participação de seis equipas:

Isave ( AA Braga ) , ABC ( AA Braga ), Belenenses ( AA Lisboa ), Ac. Funchal ( AA Madeira ) , ADC Benavente ( AA Santarém ) e Águas Santas ( AA Porto ) , mais uma vez supremacia de equipas da região Nortenha, sendo de realçar mais uma vez o regresso de um dos históricos do andebol de formação, e Madeirense o Académico do Funchal, e o realce para os clubes que tem primado na formação de atletas ( ABC, Belenenses e Águas Santas )

O ABC Venceu sem derrotas, esta prova sucedendo ao SC Espinho, de salientar a boa prestação das equipas de Benavente e do Isave.

Classificação Final – 1.º ABC , 2.º ADC Benavente , 3.º Isave , 4.º Ac. Funchal, 5.º Águas Santas e 6.º Belenenses

Torneio Nacional de Selecções Regionais de Iniciados Masculinos


AA Braga - Vencedor do Torneio Nacional de Selecções Regionais de Iniciados Masculinos

Conclui-se em Guimarães ( cidade sempre pronta a receber Fases Finais, será que não existem mais Regiões ) nos dias 26 a 28 a disputa deste torneio de selecções Regionais, com a presença de 4 Associações ; AA Braga, AA Lisboa, AA Madeira e AA Porto. A Associação de Andebol de Braga foi a vencedora desta prova , dando assim continuidade ao excelente trabalho que vêm sendo desenvolvido. A grande desilusão da Prova a equipa da AA Lisboa , que concluiu a prova só com derrotas.

Classificação Final – 1.º AA Braga, 2.º AA Porto , 3.º AA Madeira e 4.º AA Lisboa

Nota Final – Merece um destaque a Associação de Andebol de Braga, pelos títulos conquistados neste fim de semana, em que se consideráramos a vitória do ABC na Taça de Portugal , obteve 4 triunfos , ou seja o pleno de todas as finais que se disputaram.

O Noticias

domingo, 28 de junho de 2009

Crónica da Taça de Portugal – 2008/2009

Com a realização este fim de semana das 1/2 Final e Final da PO20 – Taça de Portugal Seniores Masculinos, evento este que deveria significar o Ponto alto da Modalidade e ao mesmo tempo o encerrara da época, mais uma vez, a estrutura Federativa não entendeu deste modo, e na pratica o encerramento da época apenas será no fim de semana seguinte.

Esta prova como já vem sendo habito torna-se o símbolo da despedida de alguns quadros de arbitragem da Modalidade, desta vez Fernando Branquinho, Rui Tomás e Paulo Silva, que dirigiram os jogos desta prova , abandonam a arbitragem, apesar de algumas vezes termos discordado das suas actuações ou das nomeações que lhes cabiam, nunca poderemos deixar de reconhecer a sua contribuição para a modalidade, e o muito que deram de si, e ao seu carinho pela mesma. Assim lhes manifestamos os nossos agradecimentos desejando-lhes felicidades. No entanto este agradecimento não invalida que as crónicas relativas aos jogos, sejam isentas de criticas.


ABC - Vencedor da Taça de Portugal Seniores Masculinos

Taça de Portugal 1 / 2 Final

Madeira SAD 31 – 32 FC Porto

Excelente jogo do Madeira SAD, criando extremas dificuldades ao FC Porto, que nunca soube contrariar o jogo do seu adversário , parecendo em determinados momentos, que não “estava” em campo. O Madeira SAD apesar das ausências Yuriy Kostetsky e de Knez ,soube suprimir as mesmas com garra e vontade, tendo em Galabas e Paulo Vieira um exemplo disso mesmo, o FC Porto foi uma equipa convencida, de tal forma que quando se encontrou a vencer por 6 golos já no 2.º tempo, deu-se ao luxo de começar a utilizar os suplentes o que lhe saiu caro, pois foi forçado a dois prolongamentos. O FC Porto acabar por vencer injustamente o jogo, pois foi altamente beneficiado por uma não decisão da dupla de arbitragem. A equipa de arbitragem constituída por Fernando Branquinho / Rui Tomás, que se despedia da Arbitragem , teve um comportamento completamente distinto dos Períodos Regulamentares, para os Prolongamentos, com nítida quebra física. O critério disciplinar não foi constante, e as Faltas do Atacante , foram no nosso entender mal assinaladas. Mas têm influência no resultado , pelo não decisão de assinalar um nítido Lançamento de 7 metros a dois segundos do fim, a favor do Madeira SAD, lance esse da total responsabilidade de Rui Tomás que se encontrava na altura como árbitro de Baliza, e conforme e bem foi visto através da transmissão via TV, nas diversas repetições que foram efectuadas. E se estavam eventualmente previstos para dirigir a final hipotecaram nesse momento todas as possibilidades, e criaram uma situação de saída pela porta “pequena “. Foi pena.

ABC 35 – 29 Benfica

Jogo sem história, a superioridade do ABC , nunca esteve em causa e soube gerir o resultado e os atletas a contento , o Benfica não pode nem deve, justificar a sua derrota com as ausências verificadas Rui Silva por lesão, Luís Nunes por Castigo e João Ferreirinho, as mesmas poderão servir de atenuantes, mas a fraca qualidade do jogo praticado aliado a uma total falta de controlo defensivo, e uma fraca prestação de João Lopes, por exemplo, e a jogo totalmente falhado de George Zaikin ao ataque isso sim são os principais motivos da sua derrota. O ABC, foi superiormente dirigido do banco pelo seu técnico, com jogadores em grande plano como por exemplo Bruno Dias e José Costa, e a espaços Eduardo Salgado, foi um excelente vencedor , tendo desde logo garantido a sua presença na próxima época nas Competições Europeias. A arbitragem esteve a cargo da Dupla António Goulão / Paulo Silva, controlou praticamente o jogo, e em que António Goulão utilizou toda a sua experiência, sem grandes problemas para resolver, estiveram razoáveis, no entanto Paulo Silva, deve lembrara-se de que existem dois árbitros com funções definidas e que não é o “dono” do jogo, conforme se viu na Transmissão pela TV.

Final

FC Porto 26 – 30 ABC

O ABC, foi um digno e merecedor vencedor da prova, revalidado o titulo conquistado no ano transacto, pois venceu e convenceu, apesar de ter ido para o Intervalo a perder 14-12, nunca se deu por vencido, tendo no inicio do 2.º tempo feito um parcial de 5-0 que lhe permitiu passar para o comando jogo, e este foi o momento decisivo do encontro. O FC Porto com Wilson Davyes, completamente desastrado , e Eduardo Filipe e Inácio do Carmo a tentarem resolver o jogo de qualquer maneira, assinou a sua sentença de “morte”, foi uma equipa onde apenas Ricardo Moreira esteve ao seu nível normal, a falta de Filipe Mota sancionado com um jogo ( Desqualificado no Ultimo minuto )não serve desculpa. Os jovens do ABC, estiveram simplesmente fabulosos, Bastos foi inexcedível, bem como mais uma vez o Guarda Redes Bruno Dias, e o Central Tiago Pereira. Não se compreende que o FC Porto com o plantel que possui tenha feito o jogo que fez. Dirigiu a final, sem surpresas face ao que se tinha passado na véspera, a dupla António Goulão / Paulo Silva, não estiveram como na véspera, tiveram um critério disciplinar demasiado largo, Eduardo Salgado foi um dos mais “castigados” com faltas sobre si, Paulo Silva sem condição física , conforme se viu em dois Contra Ataques do ABC, tendo até num deles não validado um golo, porque não acompanhou o mesmo, as imagens não deixam margem para duvidas. Os desfasamentos entre si , foram notórios, com a António Goulão a demonstrar desagrado, nestes momentos, o que também não deve fazer.

Como nota final , temos a organização desta prova , que vai merecer da nossa parte um “ post “ exclusivo à matéria, pois estamos em fase de recolha de dados.

O Banhadas Andebol

sábado, 27 de junho de 2009

Observadores – 2.º Curso

A exemplo da época passada, iniciou-se hoje em lagoa o 2.º Curso de Observadores Nacionais, que se desenrola em simultâneo com as 1/2 Final e Final da Taça de Portugal. A FAP, através do Seu Comunicado oficial n.º 161, publicado no seu Portal, divulga o Programa Oficial do respectivo Curso, bem a listagem dos presentes, no entanto ironicamente omite, os prelectores ou os responsáveis pelo Curso. Estranho , no mínimo!!!

Tentaremos obter mais informações acerca desta acção e dos seus participantes , para comentários posteriores.
O Formador

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Participantes nas Provas Nacionais Fixas - Época 2009/2010

A FAP, divulgou hoje através do Comunicado Oficial n.º 165, os participantes com direito de inscrição ( qualificados ) , para a disputa das diversas Provas do Calendário Nacional na Época 2009/2010. Neste “post” abordaremos apenas as provas de Seniores Masculinos

PO1 – Campeonato Nacional Seniores Masculinos 1.ª Divisão.

12 equipas, conforme se esperava, mas com algumas imprecisões, pois ainda insere o extinto DF. Holanda, o Modelo competitivo, pelos vistos ainda não está definido, apesar de na Assembleia Geral sobre o Planeamento Desportivo, ter ficado aprovado 2 modelos de competição em alternativa ( Com ou sem Liga ), agora segundo o Portal da FAP, vai realizar-se uma Assembleia Geral Extraordinária , em que entre outros pontos, vai novamente ser discutido, o modelo Competitivo da PO1. Em breve falaremos sobre os Modelos competitivos em confronto.

PO2 – Campeonato Nacional Seniores Masculinos 2.º Divisão


20 equipas , que deverão ser divididas em duas zonas, no entanto, um comunicado da FAP é omisso quanto à constituição das mesmas, o que cria alguns problemas na programação da época ás equipas participantes se todas usarem o seu direito desportivo de inscrição e participação, segundo as nossas previsões será muito provável que equipas da AA Aveiro, venham a ser incluídas na Zona SUL. Os arranjos efectuados com a entrada das equipas da Liga, leva a que nesta divisão, não estejam incluídos nem o Campeão Nacional da 3.ª Divisão nem o Finalista , clubes que tinham adquirido o direito desportivo, de subida através do Planeamento aprovado para a época 2008/2009.

PO3 – Campeonato Nacional Seniores Masculinos 3.º Divisão


36 equipas, que irão disputar esta prova, parece-nos um número excessivo , para a qualidade do nosso Andebol, este número provoca no nosso entender , uma “desertificação” das Associações Regionais, pois em muitas delas não haverá numero de equipas para programar Campeonatos Regionais , e desta forma a competitividade Regional será seriamente afectada.
Será uma prova a 3 zonas, que ainda não se encontram definidas, mas que estamos a prever na irá ser uma prova “cara”, com especial incidência na Zona Sul e Centro, face a diversidade nas deslocações.

O Analista

Informação – Andebol de Praia

Mais uma iniciativa de divulgação da Modalidade

O Clube Desportivo Paço de Arcos tem o prazer de anunciar que pelo o 3º ano consecutivo irá realizar o seu Torneio de Andebol de Praia, 3º TEJO CUP, que é sem dúvida uma vertente ainda mais espectacular do que é jogada durante a época desportiva e que nos últimos "Verões" tem crescido significativamente, pena que no Distrito de Lisboa e basicamente a todo o SUL esta vertente esteja abandonada. Em relação às duas edições anteriores, este ano decidimos optar por realizar duas etapas e a criação de um escalão sub16, onde os mais novos poderão brilhar na praia de Paço de Arcos.

A inscrição em uma etapa é 5€/por jogador, caso a tua equipa queira participar nas duas etapas a inscrição será de 8€/por jogador. Os regulamentos da prova são os utilizados no Campeonato Nacional de Andebol de Praia e qualquer caso omisso será resolvido pela a organização, através de um espirito de desportivismo, bom senso e diversão. Para mais informações e inscrições poderão contactar-nos através do nosso email (cdpa.andebol@gmail.com) e por telefone para o 962338688.

Estão todos convidados a aparecer na nossa vila e a participar em mais um evento organizado pelo o Dept. Andebol do Clube Desportivo Paço de Arcos
.”
( texto do Clube )
Noticias

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Última Hora – Aconteceu o previsto – Acabou o Francisco de Holanda

Acabou DF HolandaNasce o Clube Desportivo Xico Andebol


Acabou, segundo reportagem inserida no site Guimarães Digital, realizou-se no passado dia 22 a previssta Assembleia Geral do Desportivo Francisco Holanda, que deu por finda a actividade andebolista do histórico Clube da cidade berço, e criou o Clube Desportivo Xico Andebol. Eis parte da noticia:

Os associados do Desportivo Francisco de Holanda aprovaram, por unanimidade, a cedência dos direitos desportivos ao novel Clube Desportivo Xico Andebol, liderado por Paula Ferrão.
A proposta foi discutida esta noite numa Assembleia Geral Extraordinária em que estiveram presentes cerca de três dezenas de associados. A discussão foi pacífica, com Almor Vaz a explicar as razões do surgimento desta solução. Na prática, os sócios do Desportivo Francisco de Holanda aprovaram “a cisão e transferência dos direitos de participação desportiva das suas equipas de andebol à associação Clube Desportivo Xico Andebol”, bem como “a cedência e utilização de espaço e instalações desportivas do seu pavilhão gimnodesportivo.” As respectivas cedências serão formalizadas “através de um documento escrito” tendo sido mandatados pela Assembleia Almor Vaz e Carlos Jordão da Silva. Esta mudança ficou a dever-se, essencialmente, “à situação de impasse directivo em que se encontra o Desportivo Francisco de Holanda” e “aos problemas que tal situação provoca, mormente no âmbito desportivo e administrativo
.”
( no Guimarães digital )

Esta decisão merece alguns comentários da nossa parte, felizmente que não foi constituída uma SAD, que na nossa opinião seria uma situação bem mais gravosa, mas a transferências de direitos desportivos em termos andebolisticos, levante uma nova questão, quem liquidará as dividas geradas pela existência de Andebol no F. Holanda, na forma que a noticia é publicada, significa que o F. Holanda continua a existir, ora desta forma vai continuar a ser esta entidade a devedora, mas como não tem capacidade financeira, por exemplo em termos federativos , as suas dividas que serão muitas deverão passar provavelmente para incobráveis, a ser assim, teremos de dizer que é uma boa decisão!!! Isto leva-nos a uma outra questão; E os outros Clubes devedores , o que farão??? Será que a Federação, vai compactuar com isto, e aceita que o novel Clube represente o F. Holanda sem a liquidação das verbas em causa??? Será que desta forma está respeitado o principio da igualdade competitiva!!! Temos fortes duvidas!!! A ver vamos!!!Só a legislação Portuguesa permite estas situações.

O Jurídico

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Novamente...a ANCANP - Associação Nacional de Clubes de Andebol Não Profissional? Porquê ?

Em Maio de 2008, publicamos um “post” em que referíamos a duvidosa desta Associação, e que recordamos aqui, a propósito deste tema constar da ordem de trabalhos de uma das AG’s que a FAP vai realizar no próximo mês de Julho, pois segundo informação que conseguimos obter, este processo continua inquinado e pouco transparente. Mantendo-se totalmente actualizado, tudo o que então na altura escrevemos, e mais, segundo o Portal da FAP, este “pseudo” organismo fez / faz parte do Comissão de Revisão dos Estatutos. A pergunta agudiza-se, como é possível ??? Ainda por para cumulo quando deixou de existir um dos seus sócio fundador ( DF. Holanda )

“… Há tempos atrás, escrevemos sobre esta novel Associação de Clubes. Dizíamos na altura nomeadamente, “...quando li no Jornal A Bola, que uma tal ANCANP, foi fundada, com apenas três Clubes. Que estranho, 3 clubes não chegam sequer para constituir os Órgãos Sociais, pois uma associação deste tipo, deve ter no mínimo Direcção, Conselho Fiscal e Mesa da Assembleia Geral e cada um destes órgãos, pelo menos, 3 membros (devem ser em número ímpar). Será que já têm estatutos e estão registados? Enfim, vamos ver o que diz o Ministério Público.”

Agora passados que foram alguns meses, eis a grande novidade; a Associação não foi constituída, caducaram todos os prazos previstos na lei, para a sua constituição, e para cúmulo esteve nas Assembleias Gerais da FAP como Observadora. Como é possível?...

Porque razão se deixou passar os prazos previstos na Lei? Que clubes se inscreveram na mesma? Já elaboraram os Estatutos? Enfim existe uma panóplia de perguntas que poderiam ser feitas.

Agora, temos a certeza de uma coisa, assim não vamos longe e a credibilidade desta entidade fica bastante abalada, o que não é benéfico para a modalidade


Mantém-se as questões e agora acrescenta-se a quem interessa tão vivamente a existência desta Associação, que se fosse constituída de modo transparente até seria bem vinda, pois que com dirigentes à altura poderia ser uma mais valia para a Modalidade !!! Ou será que os 25% da Liga já estavam a incomodar muita gente!!! E com a previsível fim da mesma os 35% de uma Associação deste tipo já muito ajuda!!! A ver vamos, pois iremos acompanhar este processo.

O Reticencias

terça-feira, 23 de junho de 2009

Informação – ATAP - Iniciativas

A Associação de Treinadores de Andebol de Portugal (ATAP) vai realizar um Seminário nos dias 27 e 28 de Junho em Lagoa.

O Seminário será em simultâneo com a realização da Final-four da Taça de Portugal a realizar nesta cidade.

Apenas um comentário, em relação à participação da APAOMA, porque será que o cartaz que divulga os nomes de todos os intervenientes, quando chega a vez dos árbitros, em vez de dizer o nome do participante diz “APAOMA” esquisito!!!

Mas de qualquer forma é com grato prazer que divulgamos esta iniciativa, esperando que seja a 1.ª de muitas mais de que o Andebol está carenciado.

Noticias

Regras de Andebol - 52

Eis as soluções das perguntas anteriores:

251 – Resposta C – Regras ( 2:10 Clarificação 3 ), 252 – Resposta D – Regras ( 2:8, 4:5, 4:4 ), 253 – Resposta A,E – Regras ( 2:2, 2;5, 4:5 ), 254 – Resposta A,C – Regras ( 9:1, Clarificação 5:2d, 16:1c ) 255 – Resposta C,E – Regras ( 4:11, 16:3d, 16:3 Comentário )

Perguntas Seguintes :

256 - A bola está no chão na área de baliza da equipa A. Nesse momento, o cronometrista apita e explica que A5 cometeu uma falta na substituição. Decisão?

A - Lançamento do guarda-redes
B - Suspensão de 2-minutos para A5
C - Lançamento livre para B na linha de lançamento livre
D - Lançamento livre para B na zona de substituição de A

257 - O árbitro apita devido a passos de B21. O jogador coloca a bola na linha de área de baliza da equipa A. Guarda-redes A16 quer lançar a bola rapidamente. Ele apoia-se com uma mão na área de jogo, mas tem ambos os pés dentro da área de baliza. Desta posição ele passa a bola para A3, que inicia um contra-ataque que termina em golo para a equipa A. Decisão?

A - Repetição do lançamento livre após sinal de apito
B - Golo para A
C - Lançamento livre para B por causa da execução ilegal do Lançamento livre por A
D - Paragem do tempo de jogo

258 - Guarda-redes B1 deixou a sua área de baliza. Ele salta da área de jogo e apanha no ar uma bola passada por um colega. Depois disso ele aterra com ambos os pés dentro da sua área de baliza. Decisão?

A - Jogo prossegue
B - Lançamento de guarda-redes para B
C - Lançamento livre para A
D - Lançamento de 7 metros para A
E - Paragem do tempo de jogo

259 A2 está pronto para executar um lançamento de 7 metros. Ao apito do árbitro de campo A2 deixa a bola cair ao chão. B3 apanha a bola e passa-a imediatamente para B2 que marca um golo depois de um contra-ataque. Decisão?

A - Golo para B
B - Repetição do lançamento de 7 metros
C - Lançamento livre contra A
D - Paragem do tempo de jogo

260 - Quais das seguintes instruções são correctas relativamente ao sinal de aviso de jogo passivo (IHF - sinal 18):

A - Logo que a tendência para jogo passivo for notada, o sinal de mão 18 é primeiramente exibido pelo árbitro de campo. O árbitro de baliza então levanta o braço dele do mesmo modo.
B - Se depois do sinal de aviso de jogo passivo ter sido mostrado, a equipa de posse da bola pedir uma paragem do tempo de jogo, então o sinal de aviso deve ser mostrado novamente quando o jogo for reiniciado
C - Se depois do sinal de aviso de jogo passivo ter sido mostrado, a equipa de posse da bola não fizer nenhum esforço claro para tentar posição de remate à baliza, então qualquer dos árbitros pode assinalar um lançamento livre devido a jogo passivo
D - Após o sinal de aviso de jogo passivo ter sido mostrado, os árbitros têm que julgar se há uma
mudança de atitude clara para acções de ataque, em vez de simplesmente focar o número de passes da bola

As soluções serão sempre publicadas na semana seguinte.

Pelo nosso colaborador

O Regras

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Crónica de Fim de Semana – 52

Mais um Fim de Semana em que terminaram mais algumas provas do Calendário nacional.

PO03 – Campeonato Nacional da 3.ª Divisão Seniores Masculinos


Paço Arcos – Campeão Nacional
Disputou-se a 2.ª Mão da Final desta prova, com o seguinte Resultado

Paço Arcos 29 – 20 Lousanense

Conforme nossa previsão, embora estas possam ser por vezes falíveis, o Paço de Arcos, venceu e convenceu o jogo da segunda mão, por um resultado , onde o diferencial existente, não deixa margem para duvidas. O Lousanenese foi um finalista digno e demonstrou qualidades para na próxima época fazer uma boa figura na prova do escalão superior, apesar de neste momento, a FAP, ainda não ter divulgado, a forma como serão constituídas as diversas divisões Nacionais, iremos procurar, desenvolver nos próximos dias, na tentativa de auxiliar os Clubes.

Esta final fica no entanto marcada pelo poder “absoluto” que a FAP, tenta impor aos clubes, com a proibição da transmissão deste jogo, através do site do Paço de Arcos, facto que consideramos uma forte “machadada” nos propósitos de divulgação da Modalidade, que deve presidir aos desígnios de uma Federação.

PO14 – Campeonato Nacional de Infantis Femininos

AD. Sanjoanense - Vencedor do Campeonato Nacional de Infantis Femininos


Terminou este fim de semana o Campeonato nacional de Infantis Masculinos, cuja fase final se disputou no Pavilhão Municipal da Maia , nos dias 18 a 21 , com a participação de seis equipas, sendo de realçar o regresso de um dos históricos do andebol feminino , e do andebol Madeirense , estamos a referir-nos ao Académico do Funchal. Venceu sem derrotas, esta prova a AD Sanjoanense que renovou o titulo conquistado na época transacta, dando continuidade ao bom trabalho na Região de Aveiro no andebol Feminino de formação.

Classificação Final – 1.º AD Sanjoanense, 2.º AC Funchal, 3.º JAC Alcanena, 4.º CP Valongo do Vouga, 5.º Maiastars e 6.º CDC Albufeira.

O Noticias

domingo, 21 de junho de 2009

Informação – Andebol de Praia

È uma variante a que se dá pouca importância, mas por cá sempre que nos cheguem noticias do mês procederemos à sua divulgação.

Divulgamos uma das iniciativas, esperamos que não seja a única.

Disputar-se-á nos próximos dias 27 e 28 de Junho na Praia Azul em Espinho (200m a Norte da Piscina) a 1ª Etapa do Campeonato Regional de Andebol de Praia de Aveiro. A competição oficial disputar-se-á nos escalões de Seniores e Sub 16, no entanto, paralelamente realizar-se-ão torneios para os escalões Sub 14 e Sub 12.

Vimos por esta forma convidar todos os interessados nesta vertente da modalidade a participar ou assistir.

Para informações mais detalhadas consulte o site www.andebolaveiro.pt.vu ou a Organização Local através de e-mail (andpraia.espinho@gmail.com)

Noticias

Europeu 2010 – Seniores Masculinos – Acabou

Portugal 31 – 28 Republica Checa
Portugal vence um Misto de 2.ª Linha e de Sub21 da Republica Checa
Portugal equipa sem garra, sem determinação, sem padrão de jogo


Portugal, se necessitasse deste jogo para discutir o apuramento, provavelmente seria mais uma “fífia” , apresentou-se para este jogo, depois da copiosa derrota sofrida frente à França, com a esperança de salvar a “honra do Convento”, mas, mais não fez do que do mesmo, ou seja uma equipa sem padrão de jogo, com jogadores em queda anímica e física, onde Fábio Magalhães e Hugo Laurentino, ainda foram os melhores. Defesa, não existiu, e no ataque planeado era receber bater, drible e passe ( muitas vezes mal feito ), apesar de tudo vencemos, mas existe sempre um mas, vencemos uma equipa Checa que se apresentou, com jogadores de segunda linha e recheada de Sub-21, e apenas conseguimos vencer por 3 , registando-se ao Intervalo ( 14-9 ) uma diferença de 5 golos , isto significa , que perdemos o jogo na 2.ª parte. Hoje o Seleccionador Nacional , iniciou e bem o jogo com Hugo Laurentino, que foi efectuando algumas excelentes defesas. Fábio Magalhães foi a “safa no ataque, deve dizer a bem da verdade, que enquanto conseguiram fazer jogadas em velocidade e ataque planeado para o Pivot, José Costa brilhou, pois este e dos jogadores, que mantém sempre uma determinação impressionante. Não nos vãos alongar na crónica ao jogo em si , pois pensamos que já se disse tudo.

Agora vamos falar da organização do jogo realizado no Pavilhão de Multiusos de Fafe, que estava completamente cheio, embora a grande maioria fossem os jovens que participaram no Projecto Piloto sobre em Andebol, no entanto o publico esteve como a equipa “amorfo”, mas a Federação ,que por sua vez que deveria ter programado uma intensa actividade para um locutor puxar pelo Público, o mesmo também esteve calado a maior parte do tempo ,deveria ter providenciado material de animação, ( ver por exemplo o que se passou em França ) mas mais uma vez, nada fez. Não entendemos para que serve um Departamento de Marketing!!!. Estranho o piso de Jogo nem um único painel publicitário , Porquê!!! Será a crise??? Ou a falta de trabalho???

A Transmissão televisiva, uma vergonha, desde as interrupções, aos comentários de Jorge Tormenta, que parecia, estar mais preocupado em justificar os insucessos desta Selecção, do que em comentar o jogo, tudo foi mau, é pena. Dizem que só criticamos, mas efectivamente deve ser criticado o que está mal, e aos responsáveis, arranjar soluções para melhorar.

A dupla de arbitragem Dinamarquesa, ( Martin Gjeding / Mads Hansen ) efectuou um trabalho razoável , com um critério apertado em termos de Sanção Progressiva, no entanto o critério deveria ter sido igual para os dois lados, e nosso entendimento, Portugal sai beneficiado, nesse aspecto , de resto uma actuação, sem grandes problemas.

O Analista

sábado, 20 de junho de 2009

Formação – Técnicos

Um nosso visitante, enviou-nos à dias um comentário que foi publicado, cujo conteúdo, se revela, deveras interessante, e cujas questões merecem uma profunda reflexão, por parte de todos os intervenientes na Modalidade.

Eis o texto, que nos foi enviado:

“Está na hora repensar e de reflectir.Temos de analisar o andebol como um todo e não pocurar culpados.
No entanto deixo aos bloguistas as seguintes interrogações:
Como está e a quem está entregue a formação dos nossos treinadores?
Quem é o director técnico que define estratégias ? existe?~
Que provas deram alguns dos nossos técnicos federativos?
Existe coesão a nível dos técnicos federativos?
O Sr. Olson tem liderança? quem lha reconhece
a nível associativo existem directores técnicos? se existem têm capacidade interventiva? Estas e outras questões tem de ser equacionadas senão nosso andebol masc. e fem. andará ao sabor de ondas e... sem rumo.
Para o Sr Olson apesar da sua vivência como jogador de excelência tem de reconhecer que não aproveitou esta dádiva de ser Seleccionador sem provas anteriores e agradeça á FAP e não queira continuar a sugar .....pois não lhe fica bem."

Assim , procurando satisfazer algumas curiosidades, iremos dentro das nossas possibilidades, comentar o conteúdo:

A formação dos nossos “Técnicos”, é da Responsabilidade de uma Sociedade anónima, que dá pelo nome de Form.And,S.A, e que já mereceu alguns “post’s” da nossa parte, infelizmente , sem grandes reflexos, pois segundo sabemos a única alteração verificada foi ao nível do Administrador Responsável ( Prof. Carlos Cruz ). Pois toda a sua actividade continua na mesma, e que ainda nem sequer actualizou os dados no seu Portal. Mas continua a ser uma SA com o total do Capital a ser pertença da FAP , e mais tendo sido publicado um diploma em 30-12-2008, que vai gerir a Carreira dos Técnicos ( Decreto-Lei n.º 248-A/2008 ) que faz parte do pacote de Legislativo , publicado em fins de 2008, e ainda nem se pronunciou ou divulgou o mesmo no seu Site.

Quando o nosso leitor , se interroga e bem “Se existe Director Técnico Nacional”, nós lamentamos informar , mas segundo o que sabemos , Não, é estranho mas é a realidade, por isso as estratégias, são definidas pelos Profissionais que vão dirigindo a FAP!!! E apenas sabem dizer nos suas palestras e nos documentos emanados daquele Organismo , “Objectivos “2012”, é muito pouco , Convém dizer :

Os técnicos da Federação, pelo sabemos raramente se reúnem com o “coordenador”, se existe!!! Ou se desempenha essas funções, pois quanto a provas dadas, basta ver quem eles são, para se saber de provas dadas existe muito pouco, Salvo raras excepções. O conjunto está de tal maneira , que uma das Técnicas , que mais envolvência tem tido com o Andebol Feminino ( Prof. Filomena Santos ) recusou o presente envenenado no nosso entender de ser a nova Seleccionadora Nacional de Seniores Femininos.

Quanto a Directores Técnicos Regionais , estamos conversados, basta ver o que por exemplo, o que passa com a Associação de Andebol de Lisboa, em que a Técnica!!! Da Selecção Regional de Infantis Masculinos é a filha da própria Presidente, com que qualificações ??? No entanto existem, felizmente alguns bons exemplos , mas muito poucos. Mas no seu conjunto são apenas um grupo de boas vontades, segundo sabemos.

Temos esperança , que alguma coisa mude para bem da modalidade, deixamos ao critério dos nossos leitores as suas reflexões.

O Formador

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Paço Arcos / FAP – Lamentável – Ultima Hora

Quando um Clube , tenta divulgar a Modalidade!!! E aposta nas novas tecnologias, para o fazer!!! Quando um Clube investe em meios de divulgação e propaganda da mesma!!! Quando um Clube tem uma formação adequada!!! O que faz a FAP , impede tudo, arranja formas pseudo legais e corta as asas aos mesmos .

O Clube Desportivo Paço de Arcos lamenta mas não foi autorizado a transmitir a Final do Campeonato Nacional da 3ª Divisão - 2ª mão. Desta forma, lamentamos o sucedido e esperemos na próxima época transmitir os jogos do C.D. Paço de Arcos em directo no nosso Site.”

Em que matéria Regulamentar se basearam para fundamentar tal impedimento, ou o direito do Paço Arcos, não é o mesmo do Benfica, quando começou a transmitir jogos dos escalões etários inferiores ainda sem ter qualquer acordo com a FAP, segundo aquilo que se consta.

Enfim , mais uma “machadada” nas iniciativas dos Clubes, pois pensadores só na “calçada” !!!

O Banhadas Andebol

Liga dos Campeões 2009/2010

Resultado sorteio dos Grupos de qualificação para a fase de grupos, realizado ( 18-06-2009 )em Viena na Áustria:

Masculinos

O FC Porto, ficou enquadrado no Grupo 4, com as seguintes equipas:

Tatran Presov ( Eslováquia )
KS Vive KIelce ( Polónia )

O torneio de Qualificação será disputado de 4 a 6 de Setembro de 2009, em local ainda por definir, no sistema de TXT a uma volta. E apenas o vencedor do Grupo terá acesso à fase de Grupos da Prova.

Femininos

O Madeira SAD , ficou enquadrado no Grupo “B” do 1.ª Torneio de Qualificação com as seguintes equipas:

Maliye Milli Piyango SK ( Turquia )
T+A/Voc Amsterdam ( Holanda )

A qualificação será disputada de 4 a 6 de Setembro de 2009, em local ainda por definir, no sistema de TXT a uma volta. E passam à fase Seguinte ( 2.º Torneio de Qualificação ) os dois primeiros classificados de cada Grupo do 1.º Torneio de Apuramento.

O Noticias

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Informação – Clubes - Iniciativas

Do Clube Desportivo Paço de Arcos

No próximo Sábado, 20 de Junho de 2009, irá realizar-se na vila de Paço de Arcos, mais precisamente no Pav. Municipal Jesus Correia pelas 18h00, a 2ª mão da Final do Campeonato Nacional da 3ª Divisão entre o C.D. Paço de Arcos e o C.D. Lousanense. Depois de no passado Domingo a nossa equipa ter vencido no reduto do adversário por 25-27, num jogo de emoção de inicio ao fim e com muito público de ambas as equipas... será a vez de recebermos o Lousanense. Desta forma, convidamos toda a vila, concelho, distrito, atletas, dirigentes, técnicos, familiares, amigos, simpatizantes, todas as entidades, etc... a assistir a este jogo que promete bastante emoção e que irá determinar o vencedor do Campeonato Nacional da 3ª Divisão.

Para aqueles que não possam deslocar-se ao Pavilhão para assistir ao jogo, poderão faze-lo uma vez mais na CDPA Andebol TV em directo e exclusivo, onde será transmitido o jogo e no final o flash interview... e a entrega do troféu aos vencedores.
Também iremos transmitir o jogo, mais uma vez, na CDPA Andebol TV em directo e exclusivo

SÁBADO, 20 DE JUNHO DE 2009 - PAV. MUNICIPAL JESUS CORREIA, PAÇO DE ARCOS (OEIRAS)
18H00 - FINAL DO CAMPEONATO NACIONAL DA 3ª DIVISÃO - 2ª MÃO

C.D. PAÇO DE ARCOS x C.D. LOUSANENSE

E TAMBÉM EM DIRECTO E EXCLUSIVO NA CDPA Andebol TV
.”
(Texto do Clube)
Noticias

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Europeu 2010 – Seniores Masculinos - Fim

Portugal perde em França
E
Diz Adeus ao Europeu


França 36 – 23 Portugal

O seleccionador Nacional – Passou de ter sonhos a ter pesadelos


Começamos esta crónica, por falar da Transmissão da RTP2, começou depois da hora e ainda meteu publicidade antes de estabelecer a ligação, uma vergonha estes critérios de uma Entidade Estatal, quando estava em jogo Uma Selecção Nacional. Temos mais vez de falar do comentador residente, e perguntando para quando a sua substituição !!! desta vez passou metade do tempo a falar de tudo, menos do que estava a acontecer, dos árbitros dos jogadores Franceses, até se deu ao luxo de insinuar que nos nossos clubes não se trabalha e que a culpa do que se estava a passar era da Liga, uma vergonha, felizmente na troca de nomes de jogadores por antigos árbitros ( Dário Andrade por Dário Ramos ), foi corrigido.

Agora vamos do Seleccionador , lamentando ter que o fazer. Mas e agora Mats Olsson!!! Desta vez valeu-nos que fez a troca de Guarda Redes mais cedo, senão não saberíamos como tinha sido, e tivemos uma novidade, o João Lopes não jogou em toda a 1.ª parte, felizmente.

Do jogo , haverá que dizer que Portugal , foi massacrado ( 22 -10 ao Intervalo ) , e o equilíbrio aparente no 2.º tempo do jogo, apenas é devido ao facto de França ter feito rodar as segundas e terceiras figuras, porque se isto não acontece , teria uma vergonha Nacional , seria um resultado que já não se usa nem no tempo do Grupo “C” . A Selecção Portuguesa , foi uma equipa sem força física e anímica, sem sistema de hoje, tanto a atacar como a defender e, sem Guarda redes durante praticamente toda a 1.ª parte. Passes mal feitos , “agressões” ao Guarda Redes Francês, e sem força no remate, sem qualquer tipo de recuperação defensiva, evidente a má forma em que se encontra Hugo Figueira, a sua eficácia foi deveras confrangedora. No entanto duas exibições devem ser salientadas na equipa Portuguesa , Hugo Laurentino e David Tavares, que estiveram muitos furos acima dos restantes colegas. Na selecção Francesa , temos de destacar a extraordinária exibição do melhor jogador do Mundo Nikola Karabatic, e de Luc Abalo, que com a sua velocidade cilindrou a defensiva Portuguesa.

Já nem um milagre nos salva, Continuamos em renovação !!! Mas será certamente com a renovação do contrato!!!

A dupla de arbitragem Espanhola constituída por Gregorio Muro / Alfonso Rodriguez , teve dos jogos mais fáceis da sua carreira certamente para dirigir, só estranhamos uma coisa foi o comportamento dos nossos atletas, que nunca discutiram , mesmo nos poucos erros que foram cometidos e nos prejudicaram. No entanto apresenta algumas deficiências ao nível do julgamento das violações da área por parte dos atacantes, pois foram diversos os golos sancionados em flagrante violação da área de baliza..

O Analista

Galeria de Campeões – Associações

Terminaram este fim de semana duas das provas dos Calendários Nacionais, relacionadas com Selecções Regionais, eis os resultados :

PO31 – Torneio Selecções Regionais – Infantis Masculinos

Vencedor – Associação de Andebol de Braga

PO32 – Torneio Selecções Regionais – Iniciados Femininos

Vencedor – Associação de Andebol de Aveiro
O Formador

terça-feira, 16 de junho de 2009

Taça de Portugal 1/2 Final – Sorteio

Realizou em 15-03-09, pelas 12H00 na sede da FPA o sorteio das 1/2 de final, da Taça de Portugal Seniores Masculinos, cujo resultado foi o Seguinte :

1/2 Final
Dia 27-06-09
Madeira SAD – FC Porto ( 15H05 ) RTP2
ABC - Benfica ( 17H00 ) RTP2
Dia 28-06-09
Final ( 17H00 ) RTP2

As 1/2 Final e Final realizam-se a 27 e 28 do mês corrente em Lagoa no Pavilhão Jacinto, apenas estiveram presentes no sorteio os representantes do FC Porto e do Benfica.

Este sorteio vai proporcionar jogos verdadeiramente interessantes, começando logo pelo escaldante ABC / Benfica, e continuando no Madeira SAD / FC Porto , que é nem mais nem menos do que a repetição de uma das 1/2 Final do Play Off da prova da Liga. Não faremos grandes previsões, mas não será de excluir mais um Jogo FC Porto / Benfica e que seria mais um derby a juntar aos cinco jogos da final do Play Off. A ver vamos. Estamos também ansiosos, por ver quais as duplas nomeadas para dirigir estes jogos.

O Noticias

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Crónica de Fim de Semana – 51

Um fim de semana com intensa actividade nos Escalões de Formação e não só, aqui só iremos falar das provas que terminaram, em termos de Selecções Nacionais, terão post’s próprios.

PO02 – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos


Isave - Vencedor do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos
Esta prova , teve o seu epilogo este fim de semana com a realização da última jornada da Fase Final, embora o titulo já estivesse atribuído desde a jornada anterior, bem o 2.º Lugar , o interesse desta jornada residia apenas em saber a quem era atribuído o 3.º Lugar. Pois até o ultimo lugar à muito que estava atribuído. Foi um Campeonato disputado sob o signo das quezílias, entre algumas equipas da Zona Sul , estamos a referir-nos ao Alto do Moinho e ao Évora AC, com um histórico da Modalidade a ficar em 4.º Lugar ( Almada AC ) . Face aos últimos “boatos” , e a politica de custos da FAP, parece que vão desaparecer alguns clubes que disputaram esta prova, e está na moda , os Campeões acabarem , já que o Jobra parece um dado adquirido em Seniores. Cá estaremos para ver, a realidade.

Disputou a última jornada deste campeonato, com os seguintes resultados:

Jobra 26 – 33 Évora A.C.
GC Santo Tirso 28 – 28 Isave
AC Lamego 30 – 39 Almada AC

Classificação Final – 1.º Isave, 2.º GC St.º Tirso, 3.º Évora AC, 4.º Almada AC, 5.º AC Lamego e 6.º Jobra

PO03 – Campeonato Nacional da 3.ª Divisão Seniores Masculinos

Disputou-se a 1.ª Mão da Final desta prova, com o seguinte Resultado

Lousanense 25 – 27 Paço Arcos

Venceu o Paço de Arcos, e se tudo correr normalmente deverá ser o próximo Campeão da 3.ª Divisão. Este jogo teve a grande novidade de ser transmitido no site de um Clube em directo, iniciando-se desta forma uma nova era da informação no Andebol, desde já os nossos parabéns aos homens mentores desta iniciativa, pois fizeram mais pela divulgação da modalidade, que muitas entidades com outras responsabilidades e que são sustentadas com os dinheiros públicos.

A 2.ª mão disputa-se no próximo dia 20 pelas 18H00 em Paço Arcos.

PO04 – Campeonato Nacional da 1.º Divisão Juniores Masculinos

Em relação a esta prova faremos uma pequena introdução, pois não entendemos, como se diz organização conjunta da A.A.Lisboa!!! FAP e Belenenses , quando segundo sabemos, esta Associação nada fez, nem nada contribuiu para esta organização, no entanto pelos vistos dá o nome , apenas por manutenção de “estatuto”. Também não se compreende que sendo o Campo neutralizado, o Locutor da organização, conforme se confirmou pelas transmissões no Portal da FAP , apenas relate os golos da equipa do Belenenses, e no final peça uma salva de palmas apenas para a equipa do Belenenses. Este senhor deveria ser informado de que o Belenenses, não está a jogar em casa, e que o seu comportamento não é correcto, tudo com a agravante de que só funcionou, quando se realizavam-se jogos da equipa do Restelo, isto foi uma má imagem da organização.

Belenenses - Vencedor do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Juniores Masculinos

Disputou-se a Fase Final, com os seguintes resultados:

S. Bernardo 28 – 35 Belenenses
ABC 30 – 22 Sporting
Belenenses 36 – 23 Sporting
S. Bernardo 26 – 35 ABC
ABC 26 – 26 Belenenses
Sporting 28 – 33 S. Bernardo

Classificação Final – 1.º Belenenses, 2.º ABC, 3.º S. Bernardo e 4.º Sporting

Esta fase foi disputada , com a surpresa ABC, que discutiu o titulo até ao último segundo do encontro que disputou com o Belenenses, pois a cerca de 15 segundos do fim do mesmo era o Campeão Nacional, vencia por 1 golo. O Belenenses nesta fase soube gerir o tempo e obteve o empate, que lhe daria o titulo , pela diferença, entre o total de golos Marcados e sofridos. Pela negativa, o comportamento do Sporting, com resultados que não se esperava, já que o S. Bernardo teve um comportamento ao nível do que era espectável. Quanto ás arbitragens , apenas diremos que assistimos a algumas arbitragens sem o mínimo de qualidade, para a prova, e mais não diremos para não ferir susceptibilidades.

Ultima palavra para o comportamento dos Bancos , de ambas as equipas ( Belenenses e ABC ) , nos segundos finais do encontro entre ambas as equipas, que deve ser condenado, e mais uma vez tivemos a saga dos coletes, para quando as equipas se preparam convenientemente e em conformidade com as regras, para estas situações???

PO08 – Campeonato Nacional da 1.º Divisão Iniciados Masculinos



F. Holanda - Vencedor do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Iniciados Masculinos

Disputou-se igualmente este fim de semana, a Fase Final desta prova, no Pavilhão do F. Holanda, ( são tantas as provas a ser disputadas neste Pavilhão, que nos leva a pensar, se a FAP, não está a tentar fazer abatimentos , na divida do Clube ) , Venceu o F. Holanda com todo o merecimento, embora com o mesmo número de pontos do FC Porto, mas com maior diferença entre os golos marcados e sofridos. A boa surpresa desta prova é o trabalho que está ser desenvolvido em St.º Tirso.

Classificação Final – 1.º F. Holanda , 2.º FC Porto , 3.º St.º Tirso e 4.º Águas Santas


PO08 A – Campeonato Nacional da 2.º Divisão Iniciados Masculinos


A. S. Mamede - Vencedor do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Iniciados Masculinos

Também este fim de semana, a Fase Final desta prova, no Pavilhão de Peso da Régua, com a vitória de mais um histórico da modalidade a A.S.Mamede, no que esperamos seja um bom augúrio do regresso desta colectividade de S. Mamede aos lugares de topo do Andebol Nacional. Com a equipa do Fuas Roupinho da A.A. Leiria no 2.º Lugar com o mesmo número de pontos do Boavista.

Classificação Final – 1.º A.S.Mamede, 2.º AED Fuas Roupinho , 3.º Boavista FC , 4.º AD Travassó, 5.º Juventude AC e 6.º AD Godim

O Noticias

domingo, 14 de junho de 2009

Campeonato Mundial de Seniores Femininos – Play Off - 2.ª Mão

Adeus Mundial


Dinamarca 41 – Portugal 22

Tal como tínhamos previsto, só faltava saber a diferença de golos, e novamente a Selecção de Paula Castro sofreu novo “vexame”, perante as Dinamarquesas, com uma diferença de 19 golos, devemos dizer, Basta !!! Parem com isto!!! , na semana anterior tínhamos estado precipitadas ao ataque permitindo os sucessivos contra ataques e agora o que foi??? Provavelmente excesso de confiança!!! , pois até chegamos a estar a vencer por 9-7 , mas rapidamente o resultado passou para 17-7, ou seja repetiu o festival do jogo da 1.ª mão um parcial de 8-0.

Resta pelo menos uma satisfação às nossas atletas, mas principalmente à Seleccionadora Nacional, jogaram num pavilhão com cerca de 300 espectadores, coisa impensável , de ver em Portugal e em muitos outros Países, por esse mundo fora.

A Seleccionadora Nacional e a sua equipa técnica, despediram-se com este jogo, aguardamos com ansiedade as novidades.

Para a história o parcial dos dois jogos Dinamarca 79 / 43 Portugal

Apenas um comentário final a FAP, nem escreveu nada no seu Portal, no momento certo, a vergonha deve ser grande ou então estão à espera da Transmissão em deferido da RTP2, e só depois se escreve. È este o seu critério Editorial.

Felizmente uma boa noticia, a dupla Portuguesa Ivan Caçador / Eurico Nicolau, dirigiu a 2.º mão do difícil encontro entre o Montenegro e a Suécia , Os nossos parabéns. Da FAP, no seu Portal ZERO.

Resultados do Play Off – 2.ª mão

Hungria 33 - 22 Eslováquia
Montenegro 28 - 28 Suécia
Alemanha 22 – 19 Servia
França 32 - 24 Croácia
Roménia 38 – 32 Bielo-Rússia
Áustria 34 – 25 Macedónia
Dinamarca 41 – 22 Portugal
Holanda 27 – 30 Ucrânia

Apuradas – Hungria, Suécia, Alemanha, França, Roménia, Áustria, Dinamarca e Ucrânia

O Formador

sábado, 13 de junho de 2009

Europeu 2010 – Seniores Masculinos

Portugal Vence o Luxemburgo
Portugal 33 – 22 Luxemburgo


Mais uma vez o Seleccionador Nacional , não surpreendeu ninguém com a troca dos pontas , e como era previsível , ficaram de fora , David Tavares e Pedro Solha. E a substituição de Cláudio Pedroso por Eduardo Salgado, aqui temos de lhe dar os parabéns , pois foi por demais evidente a falta de confiança, que o jovem atleta do Benfica está a sentir. Já a saída de José Costa é mais discutível, mas até aui desta vez damos o beneficio da duvida.

Moimenta da Beira mobilizou-se e o Pavilhão registou a maior enchente de sempre, cerca de 2.500 pessoas assistiram ao vivo a um encontro da Selecção Nacional de Andebol. Começamos mal, e em alguns momentos de jogo , parecia dar a entender que continuaríamos mal , pois não se entende, como é possível , sofrer, perante esta equipa ( Da 3.ª Divisão ) , sofrer tantos golos aos 6 metros. Em abono da verdade , deve-se também dizer que desta vez , “quase” que não tivemos Guarda Redes, pois é por demais evidente a má forma em que se encontra Hugo Figueira, a sua eficácia foi deveras confrangedora. E não fosse a extraordinária exibição de garra e de eficácia, de Dário Andrade e de Nuno Grilo, e estaríamos perante um resultado deveras enganador. Também tiveram prestação positiva , Bruno Moreira e Ricardo Moreira. Verificando–se uma nítida poupança e gestão de esforço que o Seleccionador fez com outros atletas , nomeadamente Carlos Carneiro, e aqui, estamos totalmente acordo. Na equipa Luxemburguesa, foi apenas uma equipa combativa com um razoável pivot e pouco mais.

Apesar deste resultado, só um milagre nos poderá levar ao apuramento, para a Fase Seguinte, Continuamos em renovação !!!

Por falar em renovação , não estava na altura da RTP , renovar o comentador residente ( Jorge Tormenta ) , desde troca de nomes de jogadores por antigos árbitros ( Dário Andrade por Dário Ramos ) até regras mal explicadas ( Caso do número cartões amarelos ) , e com excesso de conversa , em que nalgumas vezes só servia para distrair o Telespectador, desviando a sua atenção do jogo, houve de tudo.

A dupla de arbitragem Israelita constituída por Yaron Ben-Dan / Assaf Faran, demonstrou que sabe as regras de jogo, estando até muita vezes bem, em situações especificas, agora na contagem dos Passos deixou muito a desejar, tendo razão nos seus protestos o Seleccionador da equipa Luxemburguesa. Mas poderia e deveria ter “apertado” mais na aplicação da Sanção Progressiva.

O Analista

Galeria de Campeões – Femininos

Divulgação de mais um vencedor de uma prova do Calendário Nacional , no Feminino.

PO13 A– Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Iniciados Femininos


Campeão Nacional – Juventude do Mar – Associação de Andebol do Porto
O Formador

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Taça Presidente da Republica – PO25

Esta prova que existe no Calendário Federativo , para dar competição às equipas, quando existem estágios e ou jogos da Selecção Nacional, teve nos Feriados dos 10 e 11 de Junho a disputa da fase Final , realizando-se as 1/2 Final em 10 e a final em 11.Agora o que se estranha, é a marcação de uma das Meias Finais, para o mesmo dia e hora em que se realizava o Republica Checa / Portugal, jogo de capital importância para as cores Nacionais, e com transmissão televisiva, das duas uma, ou os pavilhões ficam vazios e os jogos, são disputados sem qualquer emoção, ou a própria entidade organizadora não está interessada na divulgação da modalidade. Não existe critério e planeamento que resista a falhas desta natureza, e depois querem publico nos Pavilhões!!! Será!!! Já temos duvidas. È uma vergonha no nosso entender.

Alcanena merecia mais respeito


Belenenses - Venceu a Taça Presidente da Republica ( PO25 )

Resultados :

1/2 Final
Benfica 34 – 33 Isave
Belenenses 30 – 25 Ismai
Final
Benfica 27 – 28 Belenenses

Disputaram a final as duas equipas da LPA inscritas na prova, como era previsível , sobressaindo no entanto a extrema dificuldade sentida pelo Benfica para levar de vencida o Isave, deve-se no entanto referir de que o Benfica foi a equipa, que se apresentou mais desfalcada, por força da presença de atletas seus no Jogo da Selecção, mas a valia do seu plantel , não justificava tantas dificuldades. O Belenenses, comandou sem o encontro e com maior facilidade levou de vencida o Ismai, que esta época foi uma das desilusões no Campeonato Nacional da 1.ª Divisão ( PO01 ). Acabou por vencer a prova a equipa do Belenenses, num jogo disputado até ao último minuto, por força da garra e determinação dos seus atletas.

O Noticias

Regras de Andebol - 51

Eis as soluções das perguntas anteriores:

246Resposta D – Regras ( 2:3, 17:9 ), 247Resposta B,F – Regras ( 2:7, 13:4b ), 248 Resposta B,E – Regras ( 2:7, 13:4a ), 249Resposta B,E – Regras ( 2:7, 13:4a ) 250Resposta B,D – Regras ( 13:4a )

Perguntas Seguintes :

251 - Equipa A tem posse de bola. Oficial da equipa B pede uma paragem do tempo de jogo colocando o cartão verde na mesa à frente do cronometrista. Decisão?

A - O cartão verde é posto em cima da mesa
B - O cronometrista apita assim que a equipa B adquire posse da bola
C - O cronometrista devolve o cartão verde ao funcionário
D - Só o oficial responsável da equipa pode pedir a paragem do tempo de jogo

252 - A3 está lesionado e os árbitros param o tempo de jogo e fazem o sinal para a equipa A entrar e tratar do jogador. A8 sai do terreno de jogo fora da área de substituição, e quando o jogo é reiniciado ele entra no terreno de jogo pelo lugar correcto. Decisão?

A - Nenhum castigo, porque aconteceu durante uma paragem do tempo de jogo
B - Advertência a A8
C - Advertência ao oficial responsável da equipa A
D - 2-minutos exclusão para A8

253 - Um lançamento livre ainda tem que ser executado depois do sinal automático para o fim do jogo. B9 está numa posição correcta e atira à baliza de A. Quando a bola deixa a mão de B9, há um sinal de apito do cronometrista. A bola entra na baliza, sem qualquer hipótese para o guarda-redes. O cronometrista informa os árbitros que A7, que estava no terreno de jogo na defesa durante o lançamento livre, fez uma substituição irregular antes da execução do lançamento livre. Decisão?

A - 2-minutos exclusão de A7
B - Desqualificação de A7
C - Golo para B
D - Lançamento de 7 metros
E - Repetição do lançamento livre depois de sinal de apito

254 - A9 tenta parar um remate com a parte mais baixa da sua perna, mas ao faze-lo ele introduz a bola na sua própria baliza. Esta é a segunda vez que ele tenta parar um remate com a perna dele. Decisão?

A - Golo para B
B - Lançamento livre para B
C - Sanção progressiva de A9

255 - Jogador A4 está lesionado. Os árbitros dão paragem do tempo de jogo e sinalizam a permissão para a equipa A entrar no terreno de jogo para tratar do jogador. Dois oficiais da equipa A mas também o treinador de B entram no terreno de jogo. O treinador da equipa B já teve uma advertência.

A - Nenhuma intervenção
B - Equipa B continua completa no terreno de jogo
C - 2-minutos exclusão para o treinador de B
D - Desqualificação do treinador de B
E - Equipa continua o jogo com um jogador a menos no terreno de jogo durante 2 minutos

As soluções serão sempre publicadas na semana seguinte.

Pelo nosso colaborador

O Regras

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Informação – Clubes - Iniciativas

Do Clube Desportivo Paço de Arcos

Do CD Paço Arcos , que vai disputar a final da PO03 ( Campeonato Nacional da 3.ª Divisão Seniores Masculinos ), recebemos a seguinte informação :

“ Dept. Andebol decidiu organizar uma excursão para levar o maior número de adeptos à Lousã no próxima dia 14 de Junho para apoiar a nossa equipa na 1ª Mão da Final frente ao clube local, o preço é de 10€ por pessoa e a saída será às 12h30 do Pav. Gimno-Desporitvo de Paço de Arcos e a inscrição deverá ser feita até à próxima 4ªfeira, preferencialmente, através do 917814596.”

Esta informação, foi complementada com a seguinte :

“O Clube Desportivo Paço de Arcos tem o prazer de anunciar que a Final do Campeonato Nacional da 3ª Divisão, entre o C.D. Lousanense e C.D. Paço de Arcos, será transmitido em directo e em exclusivo pela CDPA Andebol TV. A 1ª mão será no próximo Domingo, 14 de Junho, pelas 17h00, desde já um agradecimento especial ao C.D. Lousanense por toda a disponibilidade demonstrada, e a 2ª mão será no Sábado, 20 de Junho, pelas 18h00. Desde já estão todos convidados a deslocarem-se ao Pav. Municipal da Lousã e ao Pav. Municipal Jesus Correia para assistir aos jogos da final, caso não seja possível sempre poderão assistir através da CDPA Andebol TV em http://cdpa-andebol.blogspot.com ...

Será uma estreia da nossa parte em transmissão de jogos em directo na internet, iniciaremos no Sábado com a transmissão de dois jogos dos nossos escalões de formação, Iniciados e Juvenis.”

Eis um exemplo, para muito boa gente com grandes responsabilidades na modalidade, na forma de divulgação das suas actividades e da colaboração que pode ser estabelecida entre Clubes, Parabéns.

Noticias

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Europeu 2010 – Seniores Masculinos

Portugal Perde na Republica Checa
Republica Checa 30 – 26 Portugal


Apetece dizer e agora mister Mats Olsson Mais uma vez critérios discutíveis na escolha dos 14 jogadores para o jogo, mais uma vez dois pontas de fora , e é convocado um incrível João Lopes , não defende não ataca o que faz???Mais uma vez tem ao banco um atleta de qualidade Bosko Bjelanovic, que não é utilizado , embora Cláudio Pedroso tenha feita uma das piores exibições que lhe temos visto ultimamente. Enfim critérios!!!

Portugal , para as falhas técnicas que efectuou , juntamente com a extraordinária exibição do Guarda Redes da equipa Checa de nome Petr Stochl, que foi apenas o homem do jogo, mas em que por diversas vezes, os nossos atletas não souberam ultrapassar, por inépcia nos remates efectuados, acaba por produzir um resultado que embora não seja totalmente negativo, não serve os seus interesses ( O possível apuramento, para a fase seguinte ), ao intervalo registava-se exactamente a mesma diferença ( 16-12 ). Não se entende que o jovem Fábio Magalhães , que na nossa opinião até esteve relativamente bem estivesse tanto tempo em jogo, com resultados negativos para a parte final do encontro. Estranho que Portugal apenas tivesse equipa durante os primeiros vinte minutos, ( 10-10 ) , a partir do momento em que os Checos passaram a comandar o jogo, nunca mais houve equipa. Outro factor negativo foi a exibição de Hugo Figueira durante a 1.ª Parte ele não efectuou uma única defesa, e só é substituído nos 5 minutos finais do primeiro tempo. Acabaram por sobressair no equipa Nacional os seus pontas Pedro Solha e David Tavares, embora este nos minutos finais tenha falhado duas ocasiões de golo feito. Tacticamente defendemos mal , o ataque falhou em demasia, passes errados, falhas técnicas e remates fraquíssimos, foram em numero demasiado elevado. Uma referencia especial ainda para o Checo Jan Filip, que fez o que quis da defesa portuguesa. Agora o que nos espera, no próximo jogo e mantendo-se fiel a si próprio, o Seleccionador, estamos a adivinhar vai deixar de fora Pedro Solha e David Tavares e entram Dario Andrade e Ricardo Moreira. E o problema vai voltar a ser o mesmo, mas João Lopes vai continuar certamente.

A dupla de arbitragem Romena constituída por Vasile Pavel / Eugen-Marian State, foi a negação da qualidade, pela primeira vez dizemos isto mas foi a sensação que tivemos , foi Caseira, para um lado era livre de 7 metro e exclusão para o outro era bola do Guarda Redes , isto nas entradas de ponta. Transformou nítidas falta do atacante em livres de 7 metros ,Violações da área não eram assinaladas, Lei da vantagem quando era dada, sancionava-se golos com os atacantes em contacto com o solo, a falta de critério na conduta anti desportiva foi gritante. E mais não dizemos. Sem categoria. Apesar de tudo em Portugal , temos jovens com muito mais qualidade, felizmente

O Analista

Noticia – F. Holanda em vias de Fechar Portas

Segundo noticia veiculada pelo site guimarãesdigital, está marcada para dia 22 do corrente mês, uma Assembleia Geral do conhecido Clube de Andebol Francisco de Holanda, que recentemente se sagrou Campeão Nacional da 1.ª Divisão.

Um Grupo de Associados, irá promover a extinção do Clube, que face as dividas existentes, nomeadamente ao fisco, que até já ameaçou com a penhora do Pavilhão, e promover a criação de um novo clube, que teria a mesma estrutura do F. Holanda, no entanto apenas se avançara se for possível que a nova colectividade mantenha os direitos desportivos.

Diz ainda referida noticia, de que tanto a Federação de Andebol de Portugal como a Associação de Andebol de Braga estariam a par da situação e já tinham intervido no sentido de ajudar a esclarecer o caso, mas que contudo a resposta final ainda não tinha sido dada.

Estranhamos o conteúdo desta noticia, pelo que a mesma representa, ou seja a extinção de um dos prestigiados clubes , principalmente na formação do Andebol Português. Depois a fuga para à frente com a conivência previsível, das principais entidades do Andebol. E nós perguntamos, e quem assume as fortes dividas do F. Holanda, que segundo sabemos são de largas dezenas de milhares de euros à FAP . Como ficará a Associação de Andebol de Aveiro perante esta perspectiva??? Ficará quieta e muda??? Então qual a posição do Alavarium, 4.º Classificado no Nacional da 1.ª Divisão??? Será que começamos a copiar os maus exemplos do Futebol ???

Por último qual a posição final da FAP??? Vai alinhar em mais uma “festa” do Andebol português???

Mais uma “machadada” no triste panorama do Andebol Nacional

O Noticias

terça-feira, 9 de junho de 2009

Europeu 2010 – Seniores Masculinos

Portugal , vai iniciar um novo ciclo de jogos , que serão decisivos para as nossas aspirações ( se é que ainda existem ) de qualificação para o Europeu de Seniores Masculino Áustria 2010.

O ciclo de jogos:

Dia 10-06-09
Republica Checa – Portugal
Dia 13-06-09
Portugal – Luxemburgo ( 17H00 ) RTP2 ( Moimenta da Beira )
Dia 17-06-09
França – Portugal ( 18H30 ) RTP2
Dia 20-06-09
Portugal – Republica Checa ( 17H00 ) RTP2 ( Fafe )

Apenas dois comentários, estranho que o jogo que mais interesse têm para as cores Nacionais pelo seu carácter decisivo , é o jogo na República Checa, no entanto é o único em que até ao momento não existe a previsão de transmissão televisiva, depois é o local da realização do Portugal / Luxemburgo. A EA Moimenta da Beira ( Viseu ) acabou se sagrar Campeã Nacional da 2.ª Divisão em Juvenis Masculinos, mas temos fortes duvidas que se justifique a realização deste jogo, nesta localidade, mais uma vez existe uma marginalização total dos grandes centros de Andebol, ou seja há uma total subordinação da componente financeira à desportiva.

Sobre a convocatória não teceremos grandes comentários, no entanto existe algo a dizer. O Seleccionador Nacional ( cuja margem de manobra está cada vez mais curta ) , convoca o Júnior do ABC Fábio Magalhães, e a FAP marca para o mesmo período a Fase Final do respectivo Campeonato, o estranho disto tudo é que não existe protesto algum do Clube, que fica sem uma mais valia, para a disputa do titulo, ou então está-se a pagar influências!!! Pois não é uma situação completamente anormal.

Convocatória:

Desejamos bons jogos e dignidade na representação do Andebol nacional

O Analista